Uncategorized

Sequestrador pede aplicação da Lei da Ficha Limpa e extradição de Battisti, diz Polícia

g1 sequestro brasilia

Do Estadão:

O sequestrador que mantém um homem refém no Hotel Saint Peter, na região central de Brasília, pede a extradição do ex-ativista italiano Cesare Battisti e a aplicação prática da Lei da Ficha Limpa como condições para soltar o refém, afirmou o chefe da Divisão de Comunicação da Polícia Civil do Distrito Federal, o delegado Paulo Henrique de Almeida.

Segundo o Estado apurou com autoridades que investigam o caso, o sequestrador se chama Jac Souza dos Santos, tem 30 anos, e foi vereador pelo PP na cidade de Combinado, no interior de Tocantins. Santos tem uma fazenda avaliada em R$600 mil e também foi secretário de Agricultura de Combinado.

Veja, aqui, a reportagem do Estadão.

5 Comentários

  1. Se depender dessas exigências para libertar o refém, a família do mesmo pode encomendar o caixão porque ele já está condenado a morte…

  2. Parreiras Rodrigues Responder

    A que ponto chega a impunidade por “malfeitos” e a esculhambação na política externa desse país.
    A ponto de levar um cidadão de posse e de presença na vida pública à iminência da prática dum ato extremo que poderá culminar com a sua vida e com a de outro brasileiro.
    Debitarei todas as desgraças que acontecerem ao Brasil, à conta do PT e da base que o sustenta, consciênzia perrmutada por empregos e outras benesses.

  3. Doutor Prolegômeno Responder

    Se os pedidos dele são mesmo estes, então infelizmente, ele vai ter que explodir tudo…

  4. Se a Justiça Brasileira aplicar a tal Lei da Ficha limpa, a primeira que vai parar no xilindró é a AlibaDilma e seus mais de 40 ladrões. e aí Poder Judiciário? vai atender o rapaz ou vai ficar por isso mesmo?

Comente