Uncategorized

Nota de esclarecimento – Aciolli

A assessoria Jurídica do deputado estadual Roberto Aciolli (PV), que tenta a reeleição, entrou em contato com o Blog para esclarecer a situação da impugnação da candidatura de Aciolli. A nota é o que segue.

“A decisão mencionada em seu blog, da lavra do Ministro Luiz Fux, refere-se ao que chamamos de decisão monocrática, ou seja proferida por apenas um julgador.

Desta decisão cabe recurso ao colegiado, que significa dizer aos demais integrantes do Tribunal Superior Eleitoral.

Ainda, cabe recurso ao Supremo Tribunal Federal.

A equipe jurídica recorrerá, e assim, equivocadamente ao divulgado no seu blog, o Candidato Roberto Aciolli, 43190, é considerado perante a Justiça Eleitoral Apto com recurso, conforme consta do sítio do Tribunal Superior Eleitoral.

Dessa feita, não há que se falar em inelegibilidade até o trânsito em julgado, que significa dizer que até que se esgotem todos os recursos e todas as esferas do judiciário, o Candidato a Deputado Estadual Roberto Aciolli, 43190, continua com sua campanha normalmente.

Assessoria Jurídica – Roberto Aciolli”

8 Comentários

  1. TAMO JUNTO ACIOLLI 43190 E CRISTIANO 4333…NÃO VAMOS DESISTIR….FORÇA E FÉ,QUE DEUS É MAIS!!!!

  2. Justiça tem que ser feita Responder

    Este deputado responde por assassinato de um jovem, o rapaz foi executado por este político que é réu confesso no caso.

    Veja:

    http://www.mp.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=1170

    e

    http://www.mp.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=1170

    A verdade sempre vem à tona, cada um paga pelos seus atos, aqui se faz, aqui se paga!

    É este tipo de indivíduo que tenta manipula a mídia, a justiça, intimidando pessoas, prejudicando outras

  3. Quem será que o Aciolli está apoiando para Governador? Se você souber a resposta, também, vai saber porque estão tentando caçar a Candidatura dele para Deputado. Evidente meu caro!!! Esta é a “justiça”!.

  4. Mudar É Preciso Responder

    É repórter? Deveria ser impedido de disputar cargo público, salvo após quarentena de 5 anos sem aparecer no rádio e na tv. É preciso reformar totalmente a legislação eleitoral. Chega de ‘político’-radialista e de ‘político’-pastor vendendo panetone, colchão e dentadura em horário nobre do rádio e da tv e fazendo comentários entre uma e outra tragédia. Não fecha a conta, não! O Brasil tem que mudar e pra melhor.

  5. O justiça tem que ser feita…esse rapaz diga-se de passagem era um ladrão que roubava no centro e tinha costume de atacar mulheres…legitima defesa meu caro…e aposto que qualquer marido que nao for marica…se ver sua mulher em perigo vai agir sem pensar sim…entao pensa antes de falar…

  6. Ká ká ká, se a cosia já estava feia para o 190 agora chegou ai fim, o cara leva no primeiro tempo mas perde na prorrogação, porque o pleno do STF vai tomar-lhe o mandato. Lugar de picaretas como ele não é na Assembleia, talvez fazendo programinhas fajutos de televisão.

Comente