Uncategorized

Bolsonaro: “Serei o candidato da direita à Presidência em 2018″

bolsonaro - 152

Deputado federal mais votado no Rio de Janeiro e criticado por comportamento homofóbico e autoritário, Bolsonaro quer atrair eleitor antipetista defendendo propostas como a redução da maioridade penal e trabalhos forçados para presidiários.

De Marcelo Moraes, Estadão:

Reeleito como o deputado federal mais votado no Rio de Janeiro, com 464 mil votos, o polêmico Jair Bolsonaro (PP), ex-capitão do Exército, já tem um plano político mais ousado. Ele anunciou que será a candidato à Presidência em 2018 como “representante da direita”. “Sou de direita mesmo e não tenho vergonha de dizer. Vou disputar o Planalto. Se meu partido não me apoiar, mudo de legenda para concorrer”, afirma.

Na sua “plataforma”, o deputado, conhecido e criticado por ter posturas consideradas homofóbicas e autoritárias, desfila uma
série de planos extremamente controvertidos, como redução da maioridade penal, flexibilização das leis trabalhistas, alterações no Bolsa Família, defesa de trabalhos forçados para presidiários. É, como ele mesmo cita, uma candidatura de “direita, sem vergonha”.

Para ele, existe um claro eleitorado que não aprova o governo petista. É atrás desse eleitor que Bolsonaro vai partir. “A maioria dos eleitores que votou no Aécio Neves fez isso por ser antipetista. Inclusive, eu. Quero ser essa alternativa”.

A seguir, principais trechos da entrevista de Bolsonaro para o blog de Marcelo Moraes, do Estadão:

– O senhor foi reeleito como o deputado federal mais votado do Rio de Janeiro. Pensa em concorrer à Presidência em 2018?
Bolsonaro: “Serei candidato à Presidência em 2018. Só vou negociar dentro do meu partido o PP para ver como viabilizarei isso”.

– Seu partido apoiou a presidente Dilma Rousseff na campanha. Acha que eles estão dispostos a lhe dar legenda para concorrer?
Bolsonaro: “Para ser franco, duvido que aceitem. Acho que vão compor novamente com o PT. Mas quero conversar com eles antes para ver se me autorizam a trocar de partido sem perder o mandato por infidelidade. Mas se eles não toparem, mudo de partido no último ano, perco o mandato por esse período, e concorro por uma legenda diferente”.

– O senhor é criticado dentro do Congresso por suas posturas muitas vezes consideradas homofóbicas e autoritárias. Com esse perfil, acha que o eleitor não vai rejeitá-lo?
Bolsonaro: “Podem me chamar de maluco, de homofóbico. Mas eu tenho propostas. Se tivesse sido candidato, não teria dado sossego para a presidente Dilma nos debates e não darei para o Lula se ele for o candidato em 2018. Porque a maioria dos eleitores que votou no Aécio Neves fez isso por ser antipetista. Inclusive, eu. Eu quero ser essa alternativa”.

– É verdade que Aécio Neves barrou sua presença ao lado dele num evento no Rio?
Bolsonaro: “É verdade. Eu já tinha sido reeleito e ele não me deixou subir no carro de som. Eu ainda falei para o pessoal dele: ‘já estou reeleito. Não preciso disso para me promover’. Mas acabei não subindo”.

– Se concorrer, qual será sua principal proposta de campanha? Que tipo de projeto vai defender?
Bolsonaro: “Na verdade, acho que a gente tem até lei demais. O Brasil precisa de menos leis. Mas vou defender redução da maioridade penal, por exemplo. Só não defendo adoção da pena de morte, embora seja a favor, porque é uma cláusula pétrea da Constituição e precisaria convocar uma constituinte para discutir o assunto. Mas gostaria de instituir, pelo menos, trabalhos forçados para os criminosos”.

– O senhor vai se apresentar abertamente como um candidato de direita?
Bolsonaro: “Claro que vou. Sou de direita mesmo e não tenho vergonha de dizer isso”.

29 Comentários

  1. justino bonifacio martins Responder

    Que venha esse fascista. O Lula vai dar de relho nele, com o apoio do povo brasileiro formado de brancos, índios, negros e operários não racistas.

  2. Leinad Junger Maia Responder

    Se depender dos que realmente querem ver o Brasil ,indo para frente para se igualar aos melhores estará eleito ,foi um dos melhores colegas de farda , que foi em defesa de seus subordinados quando nossos vencimentos foram aviltados e não abaixou a crista para os superiores! é um atleta inteligente, estudioso e principalmente Homem Honesto!

  3. Morador de Toledo Responder

    Vamos ser realistas.
    Alguém em sã consciência acredita mesmo que Bolsonaro tem chance contra Aécio (PSDB) e Lula (PT) ???

  4. Adoro esse cara!!! Ele tem coragem de dizer o que pensa! Não tá nem aí para o “politicamente correto”!

  5. Juan Pablo Cortez Responder

    Já tem meu voto e de minha familia, homem honesto e de principios!

    O tal justino bonifacio martins já destila o preconceito que o PT prega ao segregar as pessoas pela cor, sexo e condição social. PT é um cancer a ser extirpado.

  6. Helena Hoffmann Wagner Responder

    Aonde alguém pode chegar…A ladeira parece não ter fim. Quosque tandem Catinina, abutere patientia nostra?

  7. pode ter certeza que tem o meu voto e no minimo mais uns trinta de pessoas proximas que o conhecem e admiram

  8. Luis Antonio Teixeira Responder

    Se não podemos ter o Exercito que tenhamos alguém que represente valores que a muito essa turma do PT tenta tirar dos Brasileiros, não somos esse Lixo de Pais que essa turma nos faz parecer ao Mundo. A ultima de tentar negociar com os xiitas do Islã foi demais!! Se o preço para se livrar dessa corja que tomou o Brasil for Bolssonaro assim será.

  9. O deputado Bolsonaro é possuidor de valores esquecidos pelo povo brasileiro. A sua ascenção vai possibilitar a retomada desses valores . Conte comigo e com os meus familiares.

  10. -Terá, não somente meu voto, como de muitas outras pessoas com os mesmos pensamentos. Farei campanha de graça, sem cobrar nada!!!

  11. Maria fuxiqueira macumbeiraCwb Responder

    Tudo bem,cada um tem direito de ter suas opiniões,mas já temos um conservador,aqui no PR ser Requiao que levou uma lavada nas eleições,estamos em 2014,novas formas de pensar e agir,uma juventude wue quer viver num país livre e sem preconceitos,este Bolsonaro tem ideias conservadoras e retrógradas,me admiro o Rio de Janeiro ,wu é tido como ter um povo liberal ter elegido este Sr o mais votado,me surpreendeu,e eu achei que os curitibocas eram os mais preconceituosos,to bege,mas enfim liberdade,respeito,igualdade para todos,este tipo de gente preconceituosa,já era,um dia eles terão o troco,Xooooo preconceito,a ignorancia e o fim da picada.

  12. Adolf, aquele austríaco que chegou a ser chanceler na Alemanha também era militar e era de direita. O Augusto, aquele chileno também era militar…Hugo, o venezuelano também era militar, só que de esquerda. Vários militares chegaram ao poder na África e sâo de direita, e todo o mundo sabe o que são as ditaduras africanas. Logo, ser militar e ser de direita não é exatamente garantia de boa coisa. A história já ensinou.

  13. Meu voto, de minha família e de muitos amigos meus serão desse cara, com certeza. O Brasil tá esculhambado e precisa de alguém de “sako roxo” para consertar essa bandalheira.

  14. Como estou com saudades do Regime Militar, acho que o Bolsonaro implantaria um sistema de respeito e ética na administração pública brasileira. Tem educação de berço, e não faria com o dinheiro público o que o PT e seus aliados fazem.

  15. gg de oliveira Responder

    Que bom, esse cidadão brasileiro, é o simbolo da honestidade, da competencia e da moralidade, coisa que precisa urgente neste país e fora a traficagem petista e seu asseclas.

Comente