Uncategorized

Tiro, porrada e bomba

Painel, Folha de S. Paulo:

Guido Mantega (Fazenda) ficou irritado com as críticas de Marta Suplicy à política econômica do governo, explicitadas na carta de demissão da senadora do Ministério da Cultura. Em conversa com auxiliares, o ministro, cuja saída do cargo também é iminente, rebateu a ex-ministra: “Das duas, uma: ou ela se rendeu ao discurso do mercado financeiro ou quer desviar atenção de sua gestão na Cultura”. E prosseguiu: “E não faltou dinheiro no ministério dela. O que faltou? Talento?”.

3 Comentários

  1. Parreiras Rodrigues Responder

    O discurso do mercado financeiro é o que paga as políticas sociais, “seu” Guido. Ou cê pensa que Vania Rousseff paga do bolso do vestido dela?

  2. Certas querelas me faz lembrar que as diferenças entre malfeitores são resolvidas a cano de revolveres. É esperar para ver !

Comente