Uncategorized

FHC diz que Dilma está quebrando o país ao flexibilizar meta fiscal

fhc dilma economia

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse nesta quarta-feira, ao comentar a tentativa do governo federal de flexibilizar a meta fiscal acertada para 2014, que a presidente Dilma Roussef (PT) “está quebrando” o Brasil. “A situação do país é difícil, eles não têm como cumprir o superávit fiscal. Eles têm que reconhecer isso. Dilma disse que eu quebrei o Brasil três vezes. Não sei quando, mas agora ela está quebrando”, afirmou FHC. Com informações d’O Globo.

FHC lembrou da criação da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) durante a sua gestão na Presidência da República. Perguntado se o governo estaria tentando burlar a LRF para fechar as contas neste ano, o tucano recorreu a uma metáfora futebolística. “Nem o Pelé conseguiria. É um drible que não dá certo, porque simplesmente vai mostrar a incompetência de bem gerir a economia do Brasil. Só é gol contra. Acho que não tem sentido. É uma coisa absurda”, disse.

O governo enviou nesta terça-feira ao Congresso um projeto para alterar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e abandonar a meta fiscal prevista para 2014, que era de R$ 116 bilhões. Pela proposta, seriam abatidos do cálculo gastos com investimentos. Para justificar a medida, o governo alega redução das receitas e aumento dos gastos no ano eleitoral.

A oposição tem classificado o projeto como uma forma de “estelionato eleitoral”. Para Fernando Henrique, este não seria o primeiro da atual gestão.

“São tantos, né? Um seguido do outro”, concluiu o ex-presidente.

8 Comentários

  1. humberto martins Responder

    PT – PARTIDO DA MAQUIAGEM CONTABIL,

    CONTABILIDADE CRIATIVA, JEITO PT DE ADMINISTRAR E ENGANAR

  2. Essa desobediência total a lei, acredito que o governo do PT quer continuar a desviar recursos para os países da América Latina para manter o projeto da grande nação bolivariana, pois sem dinheiro, esse projeto vai no beleléu. O único país que está injetando recursos abaixo do paralelo cubano é o Brasil! Esse povo não mede esforços e nem consequências para levar à cabo essa ideologia falida com pretensão de fazê-la “vingar” aqui na AL. Segundo o TCU, eles conseguiram maquiar o superávit de 2013 que não existe (+ 70 bilhões) quando na verdade foi de déficit (-40 bilhões). Essa insanidade administrativa tem de acabar. Eu dizia a amigos antes das eleições que o país não sobreviveria a mais quatro anos de Petismo!!

  3. Sergio Silvestre Responder

    Estranho né,o FHC segundo Itamar nõ sabia nem que é cara ou coroa,pois não conhecia as duas facetas da moeda.
    Ele deve ter escutado algum coxinha dizer que a Dilma está quebrando o Pais,imitando o Alvaro que tudo que escuta ou le faz um discurso para a Globo com solo de alguns foguetes pipocando.
    Só que para o Alvaro dá certo aqui no Parana,mas para ele em relação ao Brasil,se fosse candidato teria menos votos que o Alvaro obteve aqui em relação ao FHC.

  4. Doutor Prolegômeno Responder

    O lulopetismo prepara a nova fase de sua administração que se destina a destruir as estruturas econômicas do país. Uma venezuelização da economia está a caminho e os cavalariços do apocalipse social se apressam em domesticar suas bestas. Lula e suas bestas amestradas vão dar as cartas.

  5. VLemainski - Cascavel Responder

    Era evidente que alguém que não foi capaz de administrar uma lojinha de 1,99 seria incapaz de administrar uma nação… Mas, se os brasileiros a reelegeram, que assumam o peso do fardo…

  6. Engraçado eh que o PSDB diz que o PT deu continuidade ao Governo deles! Pelo jeito nisso também. O Lula e o FHC deveriam dar as mãos e sumir…Dois chatos! Um atrás da Dilma e o outro do Aécio.

Comente