Uncategorized

Causa da morte de Jango será divulgada na próxima semana

jango

O mistério em torno da morte do ex-presidente João Goulart pode começar a ser esclarecido com a divulgação de três laudos na próxima semana. Segundo o IG, os documentos já estão com o governo brasileiro, lacrados, para serem abertos e confrontados.

Há uma suspeita de que Jango teria sido assassinado e não morrido de forma natural. O primeiro laudo, da Polícia Federal, se baseou na análise dos gases presentes na sepultura do ex-presidente, em São Borja, no Rio Grande do Sul. O corpo de João Goulart foi exumado em novembro do ano passado.

Já os outros dois laudos, de laboratórios espanhol e português, se concentraram na análise dos restos mortais do ex-presidente. No atestado de óbito a causa registrada é de infarto do miocárdio.

8 Comentários

  1. ser loque gomes Responder

    A preocupação deveria ser estendida a busca de corpos que os “comunas” daquela época também “produziram! Isso ninguém comenta ou se preocupa onde estão, os familiares destes desaparecidos deveriam, assim como os “oportunistas” de plantão em busca de uma “recompensa” vitalícia, ir ás ruas e reclamar seus desaparecidos ou mesmo aqueles que foram assassinados pelos ditos “revolucionários” (nem tanto)!

  2. Está com cheiro de alteração da história e da causa mortis para motivar algum pedido de indenização milionária, à ser paga pelos contribuintes brasileiros.

  3. TOLERÂNCIA ZERO Responder

    TADEU ROCHA, a Petrobrás é da mesma época, volta pra escola para aprender matemática e história, seu ignorante.

Comente