Uncategorized

André Vargas pode se livrar da cassação

Da Gazeta do Povo:

Alvo de processo por quebra de decoro parlamentar, o deputado federal André Vargas (sem partido- PR) pode escapar da cassação – o que faria com que não perca os direitos políticos e possa concorrer em futuras eleições. Vargas é processado por suas ligações com o doleiro Alberto Yousseff, um dos pivôs da Lava Jato. A cassação dele seria analisada nesta semana, mas Vargas fez uma cirurgia e pediu para adiar a sessão, que foi remarcada para os dias 3 ou 4 de dezembro. Mas a cúpula da Câmara agora remarcou a sessão para o dia 10, a uma semana dos encerramentos dos trabalhos da Casa. No ano que vem, os novos deputados tomam posse e a cassação de Vargas, que não se reelegeu, não poderá ser votada.

7 Comentários

  1. Carlos Armando Responder

    Outro exemplo que o PT dá aos políticos, além da corrupção oficializada, é também a forma de proteger os pares corruptos. Isso tudo dentro de um discurso moralista e eleitoreiro. Eles fazem parte desse momento histórico que quando acabar nunca mais esquecereimos, é muito pior que a ditadura.

  2. MENSALEIRO JÚNIOR Responder

    O QUE SERÁ QUE ELE FALOU PARA OS MEMBROS DA COMISSÃO,QUE FEZ COM QUE ELES BOTASSEM O RABINHO ENTRE AS PERNAS,E FOSSEM ADIANDO ATÉ NÃO DAR MAIS TEMPO DE SER CASSADO. ESSE ANDRÉ TEM BALA NA AGULHA, E SE ELE FALAR CAI A REPÚBLICA DAS BANANAS.

  3. O andrezito vai apresentar um novo atestado médico no dia 09/12.
    Vai fazer outra cirurgia delicada, a CRS – CIRURGIA DE REDESIGNAÇÃO SEXUAL, ou TRANSGENITALIZAÇÃO, trocando em miúdos, mudança de sexo.
    O nome está escolhido, Andrea Vargas, para poder se eleger deputada nas próximas eleições, sem dar bandeira.

  4. ELEITOR CONSCIENTE Responder

    E AINDA VAI VIRAR MINISTRO RSRSRSRSR ESTE PAIS É A PERSONIFICAÇÃO DA “CASA DA MÃE JOANA”

Comente