Uncategorized

Lava-jato: investigação
na Suíça pode envolver outros suspeitos

paulo r costa

Do Globo:

A investigação na Suíça que levou à descoberta dos cerca de US$ 26 milhões escondidos no exterior pelo ex-diretor de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, é muito mais ampla. Tão extensa que poderá levar à descoberta de novas pessoas envolvidas no esquema de corrupção, segundo os procuradores brasileiros que viajaram para a Suíça para repatriar o dinheiro. A convite dos suíços, eles analisam a movimentação nas contas bancárias de Costa.

– Na verdade, a investigação vai além de Paulo Roberto Costa – disse Delton Dallagnol, um dos procuradores.

Segundo os procuradores, ao investigarem toda a cadeia de pagamentos, os suíços tentam identificar todos os envolvidos. Podem ser brasileiros ou estrangeiros.

– Eles (os suíços) podem alcançar pessoas que a gente nem imaginava que existissem e que estão aqui também. A ideia é sobrepor o que as duas investigacões (na Suíça e no Brasil) tem – explicou Delton

A investigação na Suíça corre em paralelo com a investigação brasileira. E a ideia é cruzar os dados dos dois lados.

– As investigações deles são muito boas, avançaram bastante, e a cooperação é ampla. Não estão medindo esforços para investigar esse caso e adotar todas as providencias cabíveis – afirmou o procurador Eduardo Pelella, que é chefe de gabinete do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot.

Por conta de um acordo de sigilo total com os suíços, os três procuradores – Pelella, Dallagnol e Orlando Martello – não quiseram dar nenhuma informação sobre o que viram ou descobriram no exame da movimentação das contas de Paulo Roberto Costa. E se negaram a especular se outros envolvidos poderiam ser brasileiros ou estrangeiros. Pelella insistiu que o sigilo precisa ser mantido, para não se fechar a porta da colaboração com os suíços, que ele considera muito boa:

– Não dá para fechar esse canal, senão mata a galinha de ovos e anos poupados de trabalho – afirmou Pelella.

Perguntado sobre o que falta para o dinheiro de Costa voltar ao Brasil, o procurador explicou que agora é uma questão de procedimento da Suíça:

– É questão procedimental, que diz respeito ao Ministério Publico suíço – afirmou.

1 Comentário

  1. HOJE EU ESCUTEI NA BAND, COM RICARDO B. ELES DESCOBRIRAM GENTE QUE ELES NUNCA IAM IMAGINAR… TUDO BEM, MAIS VAI TER QUE FALAR OS NOMES… OU VÃO ESCONDER… AGORA OS 53 MILHOES DE TAIDORES QUEREM VE A POSSE DA DILMA, PARA ELES ESSE ROUBO NA PETROBRAS QUE FOI O MAIOR DO MUNDO NÃO TÃO NEM AI….

Comente