Uncategorized

Suspeito assalta mulher na saída de estação-tubo e é linchado pela população

tubodentro - banda b - foto daniele cristine

Da Banda B:

Um jovem furtou uma secretária dentro de um biarticulado e foi agredido na saída da estação-tubo Coronel Dulcídio, na Av. Sete Setembro, no bairro Batel, em Curitiba, na tarde desta sexta-feira (28). O estado de saúde do suspeito é considerado grave e com risco de morte.

“Quando chegamos o rapaz já estava aqui desmaiado após ter sido agredido pela população. Eles conseguiram segurar o suspeito, mas alguns se exaltaram e fizeram o linchamento. O estado de saúde dele é gravíssimo”, explicou à Banda B o guarda municipal Emérson.

O suspeito foi identificado como Carlos Henrique, de 20 anos. “Este jovem vinha fazendo outros furtos nos ônibus, segundo testemunhas, e acabou hoje sendo detido. Nós viemos em apoio para efetuar a prisão, mas na verdade ele precisa ir com urgência ao hospital”, disse.

A mulher assaltada pelo suspeito conversou com a reportagem e negou as agressões. “Não vi ninguém batendo, só os rapazes o segurando”, limitou-se a dizer. Apesar disso, a guarda e outras testemunhas confiram que o rapaz foi linchado.

Com risco de morte, Carlos Henrique foi encaminhado ao Hospital Cajuru.

7 Comentários

  1. UMA HORA VAI TER QUE PARAR TUDO ISSO .E .AS PESSOAS DE BEM ESTÃO CANSADAS E SABEREM QUE SERÃO ASSALTADAS, COMEÇAREM A REAGIR…É UM DIREITO DELAS ,,,MAIOR DO QUE O ASSALTANTE…..

  2. Caro FÁBIO, essa ação da sociedade nada mais é do que o sinal de saturação pelo excesso praticado pelos “bandidinhos” que provocam stress elevado na população que se sente totalmente insegura, e que nada lhes acontece pela certeza da impunidade. Há que considerar que a sociedade está totalmente desarmada, por MÉRITO dos petistas, que desejam a população desarmada para poder dominá-la. Quem está armada é a “bandidagem” aliada aos setores dominantes. Acreditamos que está chegando a hora do rearmamento da população por uma questão de proteção, pois o aparato de segurança do estado não consegue dominar o segmento organizado das quadrilhas. Defendo a liberdade de opinião, liberdade de imprensa e liberdade de investigação. Apoio a proposta de ” o sul é o meu país”, e proponho o IMPEACHMENT JÁ da DILMA, antes da posse, para evitar maiores dissabores a sociedade. Atenciosamente.

  3. A hora que a Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos tomar conhecimento dessa agressão e morte, tadinhos dos Guardas Municipais.

Comente