Uncategorized

A obsessão do PT

midia_4
Ao fim e ao cabo, até para controlar a mídia, o maior entre todos os desejos, o PT mantém a marca da esquizofrenia.

Por Mary Zaidan

É uma obsessão, uma doença crônica. Não há encontro do PT ou de maioria petista que a tal da regulação da mídia não seja um dos eixos estruturantes das discussões, para não fugir à linguagem que faz sucesso entre esta turma.

No primeiro encontro do Diretório Nacional do PT depois das eleições, encerrado ontem, o tema esteve lá o tempo todo, desde a abertura. “A presidenta já fez menção sobre a regulação da mídia e deve lançar uma consulta pública sobre essa questão em 2015”, garantiu Rui Falcão, que dirige a sigla.

Apareceu ainda espalhada em documentos diversos. Neles, a diaba da mídia é acusada de todos os males – especialmente de divulgar as denúncias de corrupção que quebraram de vez o encanto do partido que se dizia guardião da moralidade.

Sob os domínios do ex Lula, o PT tentou aprovar a criação de um órgão regulador, o Conselho Nacional de Comunicação, e de mecanismos de controle da mídia. Foi rechaçado. No Congresso Nacional e fora dele.

Em 2009 a tese do cabresto emergiu com força a partir do “clamor” de centenas de representantes da autoproclamada mídia independente reunida na Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), integralmente patrocinada pelo governo – da organização ao resultado. No ano seguinte, pás de cal foram despejadas sobre a questão.

Ainda que refutada por Dilma Rousseff no primeiro mandado, a regulação nunca deixou de ser crucial ao projeto de hegemonia do PT. E o partido já avisou a presidente que não pretende abrir mão dela. Topa até engolir alguns ministros-sapo, mas exigirá que o projeto regulatório avance. Afinal, 2018 está logo ali.

Para amenizar o tom, o PT usa diabruras do dialeto. Controle virou “regulação econômica” na boca de Dilma e é “democratização dos meios” na galera que não consegue esconder o desejo expresso de dominar a mídia.

O distinto público pouco ou quase nada sabe da tão almejada “democratização”. Rui Falcão fala em consulta pública. De quê, não diz.

Desde o ano passado corre por aí um projeto de emenda popular com alguns itens que impedem monopólio e oligopólio, além de proibir políticos de ter concessão de rádio e TV. Boa iniciativa. Mas que, mesmo que seus organizadores não admitam, recebe falso apoio do PT. Nem poderia ser diferente, visto o poder de aliados do porte de Collor de Mello e José Sarney, detentores de repetidoras globais.

Ao fim e ao cabo, até para controlar a mídia, o maior entre todos os desejos, o PT mantém a marca da esquizofrenia. Quer mexer na Globo sem mexer em gente como Collor. Quer mexer em monopólios, mas não pode trair a Record do pastor aliado.

Como bem disse um militante de TV comunitária no Fórum Brasil de Comunicação Pública, promovido pela Câmara dos Deputados em meados deste mês, o que se quer mesmo é “democratizar a pauta da TV Globo”.

O resto é papo para fazer cafuné em movimentos sociais hoje já desconfiados do ordenamento petista, acarinhar o saudosismo esquerdista e fazer bonito para a claque.

9 Comentários

  1. A companheira e os companheiros pestistas adoram copiar fracassos alheios, estão indo pelo mesmo caminho da nossa vizinha Argentina, lá madame K não descansou enquanto não conseguiu enfraquecer a mídia independente. Feito isto agora temos futebol de segunda á sexta -feira, é a institucionalização do pão e circo. Talvez aqui o pestismo não apele para o futebol de segunda à sexta, mas quer alienar o povo na marra, ou seja, quer tomar da Poderosa este troféu.

  2. MENSALEIRO JÚNIOR Responder

    CONCORDO PLENAMENTE COM O rui falcão (MINÚSCULAS MESMO) A MÍDIA NÃO DEVE E NEM PODE FICAR DIVULGANDO OS ROUBOS DA CUMPANHEIRADA, A MÍDIA CANALHA SÓ SABE DIVULGAR OS ESCÂNDALOS DA PETROROUBOBRÁS,DO MENSALÃO, DOS IRMÃOS DOS MINISTROS ENROLADOS EM ESCÂNDALOS. E A POLÍCIA FEDERAL QUE FICA INVENTANDO INQUÉRITOS EM CIMA DOS CUMPANHEIROS QUE SÓ NÃO SÃO SANTIFICADOS POR PURA MÁ VONTADE DO PAPA.O PT É O PARTIDO ENDE SÓ TEM HONESTOS,O rui falcão FALOU QUE O PT VAI EXPULSAR TODOS OS ENVOLVIDOS EM CORRUPÇÃO, EU PERGUNTO ?QUEM VAI FECHAR A PORTA E APAGAR A LUZ ?
    CADÊ AS NOSSAS FORÇAS ARMADAS QUE NÃO FAZEM NADA COM ESSE BANDO DE CORRUPTOS QUE ESTÃO AFUNDANDO O BRASIL ?

  3. a imprensa principalmente nesta eleiçao fez de tudo para tirar a eleiçao do pt, eu sou a favor que toda corrupçao deve ser ismiuçada pela imprensa mais o psdb foi tratado de forma carinhosa pela emprensa e todo mundo sabe que o psdb é um partido podre como o pt.

  4. Parreiras Rodrigues Responder

    Como o Rei, que informado que estava avisado que estava sendo corneado pela Rainha, mandou matar o mensageiro.

  5. SE OS CIDADÃOS BRASILEIROS, NESSE MOMENTO POLÍTICO, FICAREM EM SUAS CASAS DORMINDO, COM A BUNDA NO SOFÁ, ASSISTINDO AS MERDAS DAS TELENOVELAS, FUTEBOLS E OUTRAS DROGAS DAS TVS, ESSES COMUNISTAS LADRÕES TIRARÃO O QUE AINDA LHES FALTA E NOS RESTA, QUE A LIBERDADE DE CRITICAR E EXPRESSAR.
    VAMOS ÀS RUAS LEVANTAR NOSSA BANDEIRA VERDE E AMARELA, ACORDEEEMMMMMM !!!!!!

  6. Caro FÁBIO, já foi dito muito sobre a regulação da mídia. Entendo ser necessário que a MÍDIA brasileira seja fortalecida e privatizada. Que tenha participação estrangeira capitalizada. Que esteja na mesma frequência de informações que a mídia internacional. Que seus colaboradores e colunistas tenham independência nos seus artigos e colunas. Qualquer ação de regulação que interfira nesses preceitos é CENSURA, e de censura quem mais gosta são os petistas. Para os petistas deixemos os LEGADOS que eles criaram e estão deixando para o BRASIL. Defendo a liberdade de imprensa, liberdade de opinião e liberdade de investigação. Apoio a proposta de ” o sul é o meu país”, e proponho o IMPEACHMENT JÁ , da DILMA, antes da posse, para evitar maiores constrangimentos a sociedade. Atenciosamente.

  7. QUEM QUASE TIROU A ELEIÇÃO DESSA QUADRILHA DE VAGABUNDOS,NÃO FOI A IMPRENSA,FOI A PARTE HONESTA E TRABALHADORA DA SOCIEDADE.

  8. Doutor Prolegômeno Responder

    O PT é uma espécie de Grinch vermelho do Natal brasileiro. Ele odeia o Natal, odeia os presentes, as crianças, quer destruir o Natal e o Papai Noel. No caso, o Grinch do lulopetismo quer destruir a liberdade de expressão, porque não consegue se olhar no espelho em ver ali o monstro da corrupção e do desgoverno, odeia tudo e todos que falam mal de si. O PT gostaria de ser o Papai Lulo-Noel, trazendo bolsas-família no saco de presentes. A semelhança é a cor da indumentária e a pança gigantesca do seu apetite.

Comente