Uncategorized

Poços na África podem gerar novo escândalo da Petrobras

images
Um outro escândalo da Petrobras, semelhante ao da refinaria de Pasadena, pode vir à tona através da delação premiada de Pedro Barusco, ex-gerente da estatal que vai devolver R$ 250 milhões. Refere-se à venda de 50% dos direitos de poços na África por US$ 1,5 bilhão que, segundo o TCU, valeriam US$ 3,5 bilhões. São poços localizados na Tanzania, Angola, Benin, Gabão e Namíbia. Alegou-se “riscos políticos, tributários e regulatórios”, que nunca aconteceram.

3 Comentários

  1. Porque procurar culpados na África se a Bolívia nos roubou também uma refinaria? E ficou por isto mesmo.

  2. Mais um escândalo? Quando e como vão acabar todos esses escândalos? Acho que nunca mais, pois o Estrado brasileiro está todo contaminado pela roubalheira e todas ou senão a maioria, das instituições governamentais estão aparelhadas para dar suporte ao Governo Federal, quando deveriam dar respostas ao povo brasileiro, com punições justa aos corruptos desse esquema criminoso que está sucateando as finanças de nosso País!

Comente