Uncategorized

Manifestantes pressionam e sessão
que vota ‘tarifaço’ é
suspensa por 15 minutos

de Euclides Lucas Garcia, Gazeta do Povo:

Com as galerias lotadas de servidores e representantes de vários sindicatos, a Assembleia Legislativa do Paraná teve a sessão plenária interrompida às 15h49 desta terça-feira (9) até as 16h05, por cerca de 15 minutos. Enquanto o deputado Luiz Claudio Romanelli (PMDB) discursava de uma das tribunas em defesa do tarifaço do Executivo, os manifestantes gritavam “vendido” e “não me representa”.

A votação foi reiniciada e Romanelli voltou a falar. Porém, os servidores que ocupam as galerias estão todos de pé e de costas em protesto ao que o deputado argumenta. Ele defende o projeto do governo, por isso é hostilizado.

Por mais de uma oportunidade, o presidente da Casa, Valdir Rossoni (PSDB), interrompeu o discurso de Romanelli e pediu que os servidores respeitassem o discurso do parlamentar. O peemedebista insistiu que seguiria falando mesmo sendo praticamente impossível ouvir o que ele dizia por meio do sistema de som da Assembleia.

Visivelmente irritado, Rossoni decidiu suspender temporariamente a sessão, na tentativa de esfriar os ânimos dos manifestantes.

7 Comentários

  1. Seria importante verificar quem são os frequentadores das galerias da Assembleia, vejo que tem muitos servidores públicos que estão faltando o serviço? Deveriam ter descontados o dia de trabalho. Basta levantar o RG da Portaria da assembleia para comprovar, trabalhador da iniciativa privada não estava dispensado do trabalho para ficar vaiando ou aprovando deputados. Que tal fazer um levantamento fica a sugestão de pauta para a Gazeta do Povo.

  2. Sergio Silvestre Responder

    Por que eles não fazem a coisa como roubam dinheiro publico,sorrateiramente,na calada da noite,nas sombras como é o costume dos políticos ladrões.

  3. Esse Romanelli é um calhorda. Já esqueceram do furador de cancelas de pedágio…

  4. E o melhor estava por vir.
    Idiotas quem acreditou no pinoquio Richa.
    Paguem mais impostos, vcs merecem

Comente