Uncategorized

Petrobras oscila e volta a ser negociada em leilão na Bolsa; dólar sobe a R$2,73

Na véspera, papéis da petrolífera haviam entrado em leilão por conta de queda intensa.

de Rennan Setti, O Globo:

Após despencarem mais de 9% na véspera por ter adiado pela segunda vez a divulgação do seu balanço financeiro, as ações da Petrobras operam em forte instabilidade nesta terça-feira. Se ontem as ações sofreram intervenção automática da Bolsa para serem negociadas em leilão por causa de forte queda, hoje o motivo da interrupção é uma alta repentina que fez as ações oscilarem mais de 10% na comparação com o valor de abertura. Os papéis preferenciais (PN, sem voto) entraram em leilão por volta das 11h20m e agora sobem 5,01%, cotadas a R$ 9,63. As ações ordinárias (ON, com direito a voto) tiveram a negociação interrompida para o leilão por volta das 11h25m e agora sobem 2,11%, a R$ 8,69. Com a instabilidade da petrolífera, o índice de referência da Bolsa brasileira, o Ibovespa, também oscila e registrava às 11h31m queda de 0,65%, aos 46.715 pontos.

O dólar comercial tem seu quinto dia consecutivo de valorização, avançando 1,71% e cotado a R$ 2,729 para compra e a R$ 2,731 para venda. Na máxima do dia, a divisa chegou a valer R$ 2,746. Em um cenário negativo para países emergentes, com petróleo em baixa e crescimento aquém do esperado da China, a moeda americana se valoriza hoje frente a todas as principais divisas do mundo.

O rublo cai 14,4% em sua relação com o dólar, mesmo depois de de BC russo subir inesperadamente a taxa de juros para 17% ao ano na tentativa de frear a deterioração de sua divisa. Além das sanções impostas ao país pelos EUA por conta do conflito na Ucrânia, a moeda da Rússia sofre com a desvalorização dos preços do petróleo.

PETRÓLEO ABAIXO DOS US$ 55

Nesta terça-feira, o barril do petróleo do tipo WTI caiu abaixo de US$ 55 pela 1ª vez em mais de 5 anos e o Brent foi abaixo dos US$ 60, com rumores de que os EUA planejam ampliar sua produção na tentativa de ganhar participação de mercado de países que compõem a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep).

O clima é de mau humor nos mercados externos. O índice de referência europeu, o Euro Stoxx, recua 1,33%, enquanto a Bolsa de Paris cai 1,21% e a de Frankfurt tem baixa de 0,91%. Londres opera estável.

Uma das notícias que afeta o valor das commodities é sobre a atividade do setor industrial da China, que teve queda em dezembro, a primeira em sete meses. O Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) preliminar do HSBC/Markit para a indústria caiu para 49,5 em dezembro contra 50,0 em novembro e abaixo da expectativa de analistas de que se manteria estável.

QUEDA GENERALIZADA NA BOVESPA

Sessenta e três da 70 ações que compõem o Ibovespa operam em queda. Além da Petrobras, puxam o indicador para baixo as ações do Itaú Unibanco (-1,73%), a rede de universidades Kroton (-3,84%), Bradesco (-1,24%), BB Seguridade (-1,07%), Cielo (-3,48%) e Brasil Foods (-1,74%).

Apesar da queda de 0,7% no preço do minério de ferro e das notícias negativas, as ações da Vale — alta de 2,99% na ON e de 2,62% na PN —, de CSN (5,81%), Usiminas (6,33%) e Gerdau (1,60%) limitam as perdas do Ibovespa.

8 Comentários

  1. Vigilante do Portão Responder

    Sabem quem não queria que a Petrobras fosse investigada?

    A SENADORA GLEISI.

    Disse, em abril, que não havia motivo para a investigação.

    Estranho é as mídias não cobrarem explicações da Senadora.

  2. Doutor Prolegômeno Responder

    Quem vai investigar e processar a estatal pelos prejuízos aos acionistas minoritários no Brasil? O que estão fazendo as autoridades reguladoras responsáveis, como a CVM e outros, sobre este assunto? Nos EUA estão andando bem mais rápido do aqui. Aqui na terra de Lula e Macunaíma nada se faz sobre isso, enquanto as ações viram mingau.

  3. PRIORADO DE SIÃO Responder

    Piada capitalista: Isso não muda o dólar. (ou não faz subir nem descer a bolsa). Usada para menosprezar um fato.
    Diferentemente do que está acontecendo e vem sendo descoberto !

  4. O horror vem aí, 2014 não é um ano para se esquecer, é um ano que não vai acabar. Esta conjunção de astros, todos de mau agouro, ou seja, tudo de ruim acontecendo de uma vez só, como o baixo preço do petróleo,”oba, o preço da gasolina vai baixar” e também a queda nos preços das commodities caindo sem parar já nos dizem o que vem por aí. Este não é um ano para esquecer, mas para pular.

  5. Sergio Silvestre Responder

    Pois não sr Alvaro,as ações caem mas eu comprei mais algumas a uns 15 dias e já ganhei dinheiro, e a uns 11 anos comprei muitas ações da Petrobras e não em arrependo.
    Não comprei elas para especular e sim para ter um retorno com o tempo e não estou nem um pouco preocupado,sabe por que?
    Em 2003 comprei 30 mil reais em ações que em 5 anos foram para 135 mil reais,e naquela famosa marola perdi 40 mil,mesmo assim fiquei com 95 mil que era ainda um rendimento bom.
    Hoje eu tenho 162 mil que se pegar a inflação destes anos ainda da um bom lucro,portanto os que especularam se ferraram,eu não.
    Quanto ao Babaca está respondido lá em cima para vocês que tem essa fértil imaginação em tentar desqualificar os outros através de xingamentos.

  6. LUIZ PEIXOTO JR Responder

    Quero parabenizar as pessoas de bom senso e inteligencia que no passado eram favoráveis à PRIVATIZAÇÃO DA PETROBRAS, pena os vermelhos entraram e ai está o resultado.

  7. Os brasileiros já aprenderam que devem “levar fumo” de todos os lados
    e ficar quieto. Nada neste país funciona como deveria. Pagamos altíssimas
    taxas de imposto, temos roubalheira comprovada, dólar igualando ao euro
    e ainda existem babacas votando no PT. É de matar mesmo…

Comente