Uncategorized

Trabalhadores da limpeza cruzam os braços e só voltam às atividades com salário pago, diz sindicato

limpeza-  banda b

Os trabalhadores responsáveis pela limpeza do Hospital das Clínicas, no bairro Alto da Glória, em Curitiba, estão com as atividades paralisadas desde o início da manhã desta sexta-feira (9). Eles alegam que estão sem receber o salário de dezembro e também outros residuais de meses atrás. O retorno às atividades acontece, segundo a categoria, após o depósito na conta dos trabalhadores. O Hospital afirma que fez o repasse dos valores às empresas terceirizadas. Informações de Elizangela Jubanski e Bruno Henrique, Rádio Banda B.

São cerca de 250 trabalhadores que atuam na limpeza e higienização do hospital que deixaram de entrar para as atividades. Eles se reuniram às 6h30 em frente ao HC para reivindicar o atraso dos salários. O presidente do Sindicato de Asseio e Conservação de Curitiba e região metropolitana (Siemaco), Manassés de Oliveira, afirmou que, além do salário de dezembro, há outros atrasos. “O pagamento da insalubridade, parte do décimo terceiro, vale-refeição e transporte de meses passados. Tem residuais que também estão passando de mês a mês e não estão sendo pagos. Ninguém vive e paga contas com promessas”, reclama.

O pagamento do mês de dezembro deveria ter sido feito nesta quinta-feira (8), quando completou o 5º dia útil, data garantida por lei. “A gente dá um voto de confiança e nada. O trabalhador tem seus compromissos e, assim, como toda conta atrasada tem juros, esses salários deveriam ter também”, defende o presidente do Siemaco.

De acordo com Manassés, os trabalhadores só voltarão a trabalhar mediante pagamento na conta dos trabalhadores. Não há informação se o HC possui uma equipe extra ou direta para fazer a limpeza e higienização dos quartos, banheiros e corredores do local.

Pagamentos

O Hospital das Clínicas afirmou à Banda B que os repasses dos valores às empresas terceirizadas contratadas para o serviço geral estão em dia. Ainda, segundo o hospital, a paralisação dos trabalhadores da limpeza não afeta o atendimento: consultas, exames e outros procedimentos estão sendo realizados normalmente.

1 Comentário

  1. PACIENTE IMPACIENTE Responder

    NOSSA SAUDE JA ESTA UM GRANDE M…………… AGORA SEM A LIMPEZA DO HOSPITAL VAI FICAR UMA M……..MAIOR AINDA.
    ESTES DEPUTADOS QUE SÃO TÃO CRIATIVOS NA HORA DE AUMENTAR SEUS PROPRIOS SALARIOS E CRIAR GRATIFICAÇÕES ABSURDAS COMO AQUELA QUE PARA AUXILIO PARA MORAR NA PRÓPRIA CASA. DEVERIAM FAZER UMA LEI ONDE TODO AQUELE INVESTIDO EM CARGO PUBLICOS DEVERIAM TER SER SEUS FILHOS OBRIGATORIAMENTE ESTUDANDO EM ESCOLAS PUBLICAS E AINDA TODO E QUALQUER TRATAMENTO DE SAÚDE DEVERIA SER REALIZADO EM HOSPITAIS PUBLICOS. QUEM É O CORAJOSO PARA PROPOR ISTO?????? SEI QUE O CRISTOVAM BUARQUE TENTOU A PARTE DA ESCOLA E DEU COM OS BURROS N´ÁGUA. QUEM MAIS??????

Comente