Uncategorized

Dilma, o PT e as empreiteiras

Editorial, Estadão:

O governo do PT, principal responsável pelo escândalo da Petrobrás, está preocupado em minimizar as consequências com as quais poderá vir a arcar quando toda a verdade vier à luz, e se articula para armar um esquema que lhe permita, pelo menos, salvar os dedos ao custo menor de entregar os anéis. Este é o sentido da ordem do Palácio do Planalto, de preservar as empreiteiras envolvidas na lambança, e que imediatamente foi passada adiante por dois porta­-vozes da presidente Dilma Rousseff, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e o advogado-­geral da União, Luis Inácio Adams. Declarou o primeiro: “Do ponto de vista das empresas, me parece que há um desejo claro, que não afasta as punições de quem deva ser punido, de que nós não criemos situações que atrapalhem a vida econômica dos brasileiros”.

As palavras do ministro fazem eco à posição firmada por Dilma Rousseff em seu discurso na abertura da reunião ministerial dias atrás: “Nós devemos punir as pessoas e não destruir as empresas. As empresas, elas são essenciais para o Brasil. Nós temos que saber punir o crime, nós temos que saber fazer isso sem prejudicar a economia e o emprego do País. Nós temos de fechar as portas para a corrupção. Nós não podemos, de maneira alguma, fechar as portas para o crescimento, o progresso e o emprego”.

O bom senso não recomenda “destruir” empresas, mas a lei prevê, sim, punição para as que cometem transgressões legais. Até porque empresas não são abstrações intangíveis, mas as pessoas físicas, empresários e executivos, que as possuem e dirigem. E como não dá para colocar na cadeia empresas que agem contra a lei, como se faz com seus dirigentes, a lei prevê que, entre outras punições, a elas sejam impostas pesadas multas e compensações que objetivam impedi-­las de continuar se beneficiando de recursos comprovadamente obtidos de modo ilícito.

Assim, ao tentar blindar contra punições as empreiteiras envolvidas na Operação Lava Jato, Dilma Rousseff arrisca-­se, mais uma vez, a incorrer em crime de responsabilidade, por ignorar, entre outras, a Lei Anticorrupção ­ que atende aos compromissos assumidos pelo Brasil em tratados internacionais ­, cuja entrada em vigor no dia 29 de janeiro de 2014 ela comemorou em clima de pré-­campanha eleitoral, mas que agora quer transformar em letra morta.

O chamado petrolão é uma armação criminosa que só tem uma vítima, o cidadão brasileiro, e muitos culpados: os agentes políticos a serviço do governo do PT e de seus aliados; os operadores de dentro e de fora da Petrobrás e as empreiteiras que se uniram em cartel com o propósito de garantir uma distribuição “justa”, entre elas, dos contratos com a petroleira. São todos cúmplices.

É impossível de imaginar que todos saiam ilesos dos vários processos judiciais que brevemente começarão a ser instaurados como decorrência das investigações da Lava Jato. Mas do ponto de vista estratégico está claro que interessa ao governo do PT preservar as empreiteiras, para o que lança mão de um argumento que é mera cortina de fumaça: a defesa do “emprego” e da “vida econômica”. E por quê? Pela razão óbvia de que manter as empreiteiras intocadas significa preservar uma parceria que tem sido extremamente útil a petistas e associados.

Além disso, essa é uma maneira de conquistar a boa vontade e arrefecer o ímpeto acusatório dos empreiteiros, principalmente os que estão na cadeia e que, de qualquer modo, continuarão mandando em suas empresas. Esses empresários tentam articular suas defesas em torno do argumento de que são vítimas de uma chantagem que, em última análise, acabaria sendo imputada ao próprio governo.

Assim, o escândalo da Petrobrás está, entre outros efeitos, operando o milagre de transformar o governo do PT, e Dilma em particular, em defensores de empresas à beira de serem declaradas inidôneas. Logo Dilma, que jamais disfarçou sua visceral desconfiança da iniciativa privada.

Das duas, uma: está sendo preparada uma grande pizza que manterá o Planalto longe do escândalo ou a presidente da República, tentando preservar as empreiteiras para, alegadamente, garantir empregos e a saúde da economia, transformou­se em refém da corrupção. Mas também pode ser que, das duas, duas.

11 Comentários

  1. Se alguém tiver de perder os dedos nessa quadrilha,o que leva vantagem é o Lula Cachaceiro, que só tem 19 deles.

  2. NÃO LI NADA DISSO, SE OS BRASILEIROS TIVESSEM VERGONHA NA CARA DE TANTO ROUBO NO BRASIL CADA DIA APARECE UMA VERGONHA ELES TIVERAM A OPORTUNIDADE DE MUDAR O BRASIL NÓS ESTARIAMOS MUITO BEM,,,

  3. Não se extingue esse câncer da corrupção sem cortar na carne desse governo e extirpar a massa pútedra incrustada nas entranhas do poder. O grande perigo é querer-se “fazer uma média” e tentar contemporizar. Pode então o câncer revigorar-se e matar a nação. A facção criminosa que aí está não quer o bem do país nem dos brasileiros, suas “obras” o revelam.

  4. Um Pais onde o trabalhador paga para trabalhar tem os politicos
    (vereador a presidente,legislativo,executivo e judiciario ) um pais racista (cotas)onde se preocupam e tirar vantagens e chamam
    os movimentos de desordeiros da nisso o pior é que sabem que roubarm e nao vao preso mas nos merecemos pois continuamos aplaudindo e votando nos mesmos.COITADO DOS NOSSOS FILHOS QUE VAO PAGAR PELA NOSSA BURRA TEIMOSIA
    DE CONTINUAR VOTANDO .ESTA NA HORA DE EXIGIR
    O INPITMA DE TODOS OS 3 PODERES DESTE PAIS

  5. Falta pouco para definir o tema do Samba-Enredo que animará a travessia da Unidos do Nazilulopetismo. Sujere-se “Na onda do Petrolão, até nóis, pô!”, “Atrás do Petrolão só não vai quem já morreu”, “Criador e Criaturas”, “Doze anos de liberdade, realidade e ilusão”, “País rico é país sem pobreza”, “Brasil, Pátria educadora”, “Nosso projeto de poder”, não esquecendo de incluir versinhos como: “Lindo, lindo, lindo/ É o Lula-loló/ Por favor seja bem-vindo/ A casa é sua: o xilindró”.
    Preve-se muitos componentes nessa grandiloca agremiação, com destaques de algumas Alas: dos Paranaenses (Gleisi, Bernardo, Vargas e Youssef), das Baianas (Rui Falcão, Delúbio, Gabrielli, Baiano), dos Cariocas (Graça, Cerveró). Como Abre-alas, imensa alegoria enaltecendo a mentira, o engano e a falsidade, seguida pela Comissão de Frente (39 ministros, com destaque para os três patetas da economia Mantega, Belchior e Tombini). O Puxador do samba, nada melhor que Chico Buarque, envolto por mais Alegorias (Marta, Gilbertinho, Jesuíno) e alguns Destaques (Paulo Betti, Osmar Prado, Hugo Carvana, Mamberti). Como passistas, muitos componentes do Congresso Nacional, e, na proa da grande nave, Graça sustentada por Cerveró (lembra do Titanic?). Não esquecer a Velha Guarda (Supla, Marta, Zé Dirceu, Jenuíno) e a Bateria (com os empedernidos defensores da agremiação, alguns deles pululam por aqui). Por fim, como Rainha da Bateria, a exímia e competente planejadora Miriam Belchior, como Mestre-Sala e Porta-Bandeira, os estupendos criador e criatura Lula e Dilma, e, apoteosando tão pirrônico governo, o gran finale de fantasias que destacam o deboche à verdade, ao respeito, à responsabilidade, retratando que não houve mensalão, que não há corrupção/petrolão e que ninguém prometeu um superavit econômico de 80 bilhões de reais.

  6. Caro FÁBIO, lendo esse texto fico enojado pelas palavras ditas pela presidente DILMA VAGALUME, comandante da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PETISTA. ” Nós temos que saber punir o crime”, há necessidade de alertar a pobre presidente de que não há CRIME sem a presença do criminoso, o crime não é etéreo. Há necessidade de ampliar as penitenciárias para bem alojar os membros da ORGANIZAÇÃO. Para quem alterou a LEI de RESPONSABILIDADE FISCAL, que afeta toda a sociedade, pois eleva a inflação, para alterar a LEI ANTICORRUPÇÃO que livra os membros da ORGANIZAÇÃO das penitenciárias, isso é um pulo. Com tudo isso encaminhado a presidente DILMA VAGALUME tem a coragem e desfaçatez de afirmar que está na “defesa do emprego e da vida econômica”. Após provocar todo esse dano a PETROBRÁS é impossível acreditar que a presidente se preocupe com emprego do brasileiro simples. É difícil entender a passividade e mansidão da sociedade que irá pagar com suor e lágrimas todos esses ROUBOS. Admirável é perceber que a classe política que tomará posse na data de 1° de fevereiro ainda não se manifestou. Poderemos verificar que os membros da ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA PETISTA permanecerão calados, até mudos. Porém os demais políticos deverão manifestar-se de maneira corajosa, sob pena de serem EQUIPARADOS aos membros petistas, por nítida desqualificação e despreparo para enfrentar a ORGANIZAÇÃO. Defendo a liberdade de opinião, liberdade de imprensa e liberdade de investigação. Apoio a proposta de ” o sul é o meu país”, de CLAMO pelo IMPEACHMENT JÁ da DILMA, agora no poder, para evitar maiores transtornos e VERGONHAS a sociedade brasileira. Atenciosamente.

  7. Do Interior.... Responder

    Para o PT é assim: Quando este usa dinheiro desviado não é crime, é caixa 2; Quando este partido de bandidos rouba, não é roubo, é malfeito; Mas se foi a oposição aí é outra coisa. Na campanha eleitoral o PT conseguiu fazer do aeroporto em terras que já teriam sido de Aécio em um crime maior que a roubalheira da Petrobrás.
    O brasileiro tem que parar de ser trouxa e escolher o “menos ruim” nas eleições até que se mude este perverso sistema. Se o sistema não mudar não mudará nada!. O povinho do passe livre deve ir para a rua para isso, não por causa de vinte centavos!

    Fora PT!
    Fora CorruPTos!
    Fora ratazanas vermelhas!
    Fora socialismo de cuba no Brasil!!!!!!!!!!!!

  8. O imbecil que faz esta declaração é no mínimo acéfalo. Este episódio
    da Petrobrás é muito mais grave do que o Mensalão por ter provas de
    participação ativa de todos do Palácio do Planalto. O que fechou o cerco
    totalmente é exatamente a delação premiada da maioria dos envolvidos.
    Hoje o Brasil vive uma crise sem igual na economia, a inflação já passou
    da cintura e chegou ao nariz, empregos em baixa e impostos diversos
    subindo mais que foguete. Quem pode dizer que o povo não vai ser atin-
    gido !? Estamos todos f u d i d o s…

  9. NA CORDA BAMBA Responder

    O PT armou tudo durante os doze anos no poder. Armas não faltaram por-
    que beneficiando os acéfalos coitados com “bolsas” de todo tipo assegura-
    ram uma eleição tranquila. Do resto todos nós já sabemos. Arquitetaram
    as mega roubalheiras do mensalão e do Petrolão. Estava tudo certo desde
    que ninguem pisasse no tomate. O “ilustre” André Vargas e o Youssef foram
    o fio da meada para que tudo começasse a andar para trás. Os caras enri-
    queceram estratosfericamente à base do dinheiro sujo e imaginaram que
    ninguem chegaria onde a operação Lava Jato chegou, porque do lado
    deles estavam a Dilma e o Lula. Queria segurança maior !? Acontece
    que a ganancia fez com que eles próprios acendessem o pavio do seu
    rabo…

  10. Sergio Silvestre Responder

    Incrivel o nivel do QI dos comentaristas daqui,não sabem eles que comissão é eterna ai só dependoe

  11. Nossa que bom que a roubalheira eh soh do PT e na Petrobras! Agora que foi tudo descoberto, os bandidos aos poucos estão sendo presos e a população se sentindo justiçada, podemos dormir em paz, pois soh restaram os honestos!

Comente