Uncategorized

Em Itaipu, tudo pode mudar, menos o Samek

samek-780x278
Itaipu vai abrigar gente da trupe de Requião e da banda do PT, as duas turmas derrotadas em 2014. Uma das figuras mais ligadas a Requião, o advogado e ex-secretário da Segurança Pública, Luiz Fernando Delarazi, o Lulinha, deverá ocupar a diretoria jurídica da empresa.

O ex-deputado estadual Elton Welter, do PT, vai para a diretoria do meio ambiente, no lugar de Nelton Friedrich.

O engenheiro Jorge Samek, do PT, será mantido na presidência. Na crise de energia, Itaipu segurou a barra e em 12 anos de gestão, nem uma dúvida sobre a competência e lisura de Samek.

10 Comentários

  1. Que absurdo colocar o incompetente advogadinho Lulinha, também conhecido como Rambinho, na diretoria jurídica te tão importante empresa, uma lástima essa politicagem barata!

  2. Danuta Kojo Machado Responder

    Muito Feliz pelo Delazai, fez excelente trabalho em Jaguariaiva, na Secretaria, enfim por onde passa é sinonimo de trabalho, honestidade, determinação. Parabéns Lulinha, continue assim contribuindo com seu excelente trabalho para com o nosso Paraná.

  3. Uma barbaridade colocar esse capacho do Requião conhecido como Lulinha, analfabeto funcional. Prova de que no Brasil vagabundo se dá bem!

  4. Chrystian Sobania Responder

    Gostei da indicação do Delazari, entende da parte jurídica, sério e competente, achei malicioso colocar como “Lulinha”, o pessoal chama de “Lula” pelo nome de Luiz, de forma amiga.

    Boa indicação pelo Governo, neste ponto acertou a Presidente Dilma.

    Chrystian Sobania

  5. E lá vem o próprio, ou quem sabe seja o Benê, se travestirem de Danuta Kojo (haja criatividade pra criar pseudônimos) para elogiar coisinhas íntimas de estreita relação com o senil e decrépito senador do baixo clero…

  6. Do Interior..... Responder

    Está quito em Itaipu porque este é outro antro de perversões e desvio de dinheiro público. Só que ao contrário da Petrobrás, Itaipu é intocável para investigações. É imune, não pode ser verificada, consultada, auditada, etc.. Aí deve haver outro rombo de bilhões desviados para os marginais do poder.

  7. O “lenhador de bonsai” está de volta? Vixeee… E pelas mãos do Pinóquio! Vixeee outra vez.
    Como bem disse o Do Interior : abram a caixa preta de Itaipu e verão quanta merda brotará.
    Começem pelos tais Equilíbrios financeiros dos Contratos com as Empreiteiras( que vem desde os tempos da obra, pasmem! )e passem pelos Programas Ambientais.
    Fica a sugestão.

  8. Itaipu como a Petrobras continua sendo o esgoto das empresas onde
    se colocam os incompetentes desempregados. Este é o Brasil que usa
    a camiseta vermelha do PT !!!

  9. ser loque gomes Responder

    Eita paizinho mequetrefe mesmo! Delazari no jurídico da Itaipu? Isso é uma vergonha mesmo, nada fez pela segurança do Estado e deixou uma ferida profunda na área da segurança com seus “devaneios” de “cavaleiro da justiça”, que de justiça nada tinha! Só pra lembrar: nem todo mundo engoliu o “acidente” com a cante revolver, ok?

  10. Que troca justa!!
    Nelton Miguel Friedrich por Elton Welter!!
    Um é congressista noa 10 com um currículo de causar inveja!!
    Nelton Friedrich

    Formado em direito, especialista em desenvolvimento sustentável, foi Deputado Estadual e por duas vezes eleito Deputado Federal. Como membro da Assembleia Nacional Constituinte apresentou 535 propostas, tendo 141 parcial ou integralmente acatadas. Dedica-se a causa ambiental a décadas seja como: legislador, ativista ambiental. Foi secretário de estado do Governo do Paraná, nas áreas de Energia (Copel) – Meio Ambiente, Controle a Erosão, Saneamento e Habitação Popular. Ocupou por três anos a presidência dos Conselhos Estaduais de Meio Ambiente, de Saneamento (Sanepar), (Cohapar) e de Meio Ambiente – Superintendência de Recursos Hídricos e Meio Ambiente do Paraná (SURHEMA). Atualmente é diretor de Coordenação e Meio Ambiente da ITAIPU Binacional, Coordenador do Programa Cultivando Água Boa que atua por meio de ações/projetos de responsabilidade socioambiental, objetivando a correção de passivos ambientais e ações preventivas na Bacia Hidrográfica do Rio Paraná, parte três (BP3).

    Elton Welter
    Técnico em Agropecuária pelo Colégio Estadual Presidente Castello Branco e depois em Filosofia pela UNIOESTE,Foi assessor parlamentar do primeiro vereador eleito pelo PT em Toledo, Aldeni Araújo, Deputado não reeleito nas ultimas eleições.

Comente