Uncategorized

Trinta mil já assinaram petição contra Toffoli nos julgamentos da Lava Jato

toffoli-12

Em menos de 24 horas, o abaixo-assinado virtual contra a transferência do ministro Dias Toffoli da Primeira para a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal chegou a 30 mil assinaturas. A manifestação virtual começou na tarde desta quarta-feira (11). A segunda turma será responsável pelo julgamento das eventuais ações penais decorrentes da Operação Lava Jato, que apura a participação de políticos no escândalo de desvios de recursos na Petrobras. Toffoli deve presidir as principais decisões relacionadas à Lava Jato no STF. Os organizadores do protesto alegam que o ministro não tem isonomia suficiente para julgar eventuais petistas envolvidos no escândalo da Petrobras, já que ele foi advogado do PT antes de chegar ao STF. As informações são do Congresso em Foco.

Nas redes sociais, internautas classificam como “manobra do PT” a transferência de Toffoli da Primeira para a Segunda Turma. O ministro pediu transferência na noite de terça-feira (10). O pedido foi deferido pelo presidente do STF, Ricardo Lewandowski, ontem pela manhã com base no artigo 19 do regimento interno do STF.

30 Comentários

  1. Com certeza 80% do povo Brasileiro assina , se tiver oportunidade. E mais que sacanagem que estão fazendo com o povo, se de fato este cidadão continuar aí comprova-se as reuniões do ministro da justiça e o encontro da presidente. Brazilzão que vergonha…

  2. humberto martins Responder

    o proprio MInistro nao deveria pedir a transferencia ,

    sua vinculação é muito forte, será que julgará com isençao.???

  3. Cadê a manifestação do Sr. procurador Geral da República? Tá tudo junto e misturado.

  4. ine army cardoso da silva Responder

    Esse Toffoli deveria, no mínimo, ter vergonha e procurar não manchar a imagem da Magistratura. é ate estranho que logo após sair sua transferência foi encontrar-se com a Presidente Dilma. Toffoli, já foi advogado do PT já foi assessor da casa civil do Lula e, agora, na maior cara de pau quer julgar seus companheiros do PT. Cuidado para não pensarem que você é mau caráter e cuidado para não colocar o STF no lixo. Não seja jagura e declare seu impedimento.

  5. Interiorana na Capital Responder

    Impressionante é que na época da eleição ele estava no TSE e agora vai para outro lugar que precisa de gente da laia dele. Mais uma vergonha!! Que nojo!!

  6. Amarildo Silva Responder

    Se o nobre Ministro tiver um pouco de sensatez, com certeza pede para não continuar a presidir as principais decisões relacionadas à Lava Jato no STF. Pois seu vinculo é muito forte com quem pode estar envolvido nesses escândalos. Se realmente quer demonstrar isonomia nestes casos e demonstrar que não há favorecimento dentro STF a qualquer parte, e que quer realmente que seja apurado a questão, alega a impossibilidade de ser transferido para a segunda turma, pelos motivos acima já descrito. Ai sim quero acreditar num julgamento limpo e sem favorecimento a qualquer parte envolvida.

  7. O escracho aos princípios da moralidade pública é revoltante, quanto mais em se tratando de personalidades das altas esferas do poder.

    O ministro está lá mas acima dele estão os princípios republicanos; sua intima ligação aos governantes e ao principal partido envolvido no mensalão e no petrolão, está a recomendar seu impedimento, o que aliás, é previsto em lei e no regimento do STF.

  8. Tarcizo Messias dos Santos Responder

    Só para saber,que lado está a” OAB “que sempre dava sua opinião ou,está comedo de aparecer nesse senário,eles pode ajudar ou não o nosso Brasil.

  9. Com certeza, escrevendo só uma ou duas linhas não vai dar para salvar nada!
    Fiquem uma semana sem assistir televisão, peguem bons livros, busquem entender o jogo do poder.
    Comecem pelo eterno embate entre o Capital e o Trabalho. (Patrão e Empregado).
    1) Primeiro escolham em qual lado vocês estão;
    2) Com quais armas os dois lados lutam;
    3) Você pode ser um soldado ou um observador.
    Só não esqueça que o muro é do adversário.

  10. Quando não declarado por quem de dever, cabe à parte interessada a competente arguição das “exceções de impedimento ou suspeição” para afastar o julgador impedido ou suspeito. No caso acima, se entender admissível e necessária à boa ordem processual, cabe ao Ministério Público Federal, num arroubo de valentia e zelo processual, a respectiva arguição. E daí, vamos ver como é que fica …

  11. antonio carlos Responder

    “….o ministro não tem isonomia suficiente para julgar…”
    não seria imparcialidade ou isenção?

  12. Nunca antes na história deste país e do STF se passou por tamanho constrangimento. Um Ministro da Suprema Corte alvo de abaixo assinado, sob suspeita …. Pessoal, leiam sobre Democracia Radical e interpretem o o art. 1º, parágrafo único da Constituição Federal: “TODO PODER EMANA DO POVO”.

  13. TARCIZO, O PRESIDENTE DA OAB NACIONAL, SEGUNDO OS JORNAIS É DE ESQUERDA, LÁ DA DAS BANDAS DO NORDESTE – PT ROXO!

  14. Até hoje não entendo como o STF se curvou ante a humilhação que Lula impôs aos seus integrantes ao tornar colega deles o tal Dias Toffoli. Não só o STF mas também o Senado, que bovinamente aprovou a escolha; e a OAB, que fez de conta que não tinha nada com isso. Desconheço se alguma instituição representativa dos magistrados manifestou-se diante do insulto ao Poder Judiciário.
    Lula simplesmente indicou, para a mais alta corte da nossa Justiça, um molecote que mal completara 41 anos de idade, sem nenhuma pós-graduação; sem nenhum livro publicado; reprovado em dois concursos para juiz substituto; e réu, já condenado em 1ª instância, em dois processos criminais, no estado do Amapá: num deles o juiz o condenou a devolver R$ 700 mil por ter sido dinheiro recebido “indevida e imoralmente” por contratos “absolutamente ilegais” que seu escritório de advocacia celebrara com o governo estadual.
    Só conheço, na História, um episódio semelhante de desrespeito de um governante a outro Poder: foi no Império Romano, quando Calígula nomeou seu cavalo Incitatus para o Senado.

  15. Caro FÁBIO, esse feliz e supremo ministro do STF já demonstrou em outras ações que é parcial aos agentes pagadores, portanto entende-se que ele não possui lastro moral e isenção para participar dessa TURMA de supremos para decidir sobre esse caso maior. Necessito conhecer a página que está recebendo assinaturas para propor o impedimento desse elemento nessa TURMA do STF. Atenciosamente.

  16. Lambança maior foi do Gilmar Mendes, como sempre, querendo se aparecer, fez aquela proposta de permuta de um dos colegas. Ou foi acertado. Né ?!

  17. Milton J Maranho Responder

    Esse Tóffoli é mais uma criação desse PT baixaria que assaltou o Brasil.
    Acho que avacalharam a nossa corte suprema STF colocando esse indivíduo sem capacitação meritória para fazer parte da suprema corte de justiça do Brasil.
    Da mesma laia é o Sr Lewandoski ,todos ex advogados do PT. Um dia a história mostrara que seremos implacáveis com estes lesadores da Pátria.

  18. Ele deveria tomar a mesma atitude com relação ao processo do então prefeito de Maringá! Mais infelizmente a ética só aparece quando é intere$$ante.

Comente