Uncategorized

Ouça o que diz a líder
da greve e julgue você mesmo a situação

Mais de 1 milhão de alunos estão sem aula no Paraná há 60 dias. O semestre está perdido e o ano letivo ameaçado. Prejuízos imensuráveis e irreparáveis para estudantes. Tudo por conta de uma pauta de reivindicações que se transforma a todo o momento com o nítido objetivo de criar conflitos e manter a paralisação por tempo indeterminado.

O principal objetivo dos líderes dos grevistas é político. Causar prejuízos à imagem do governo para diluir os estragos causados pela corrupção petista na Petrobras. A motivação política da APP Sindicato, que opera a serviço dos interesses do PT, é indisfarçável.

A greve começou em fevereiro contra um pacote de ajuste fiscal do governo, interrompida depois de 29 dias de tumultos, violência e invasão da Assembleia. A greve voltou em abril com o foco na mudança do plano de custeio da Paraná Previdência, gerando novos conflitos violentos.

Vencida essa questão, a greve se metamorfoseou em movimento por aumento de salário e ampliação da hora-atividade (período em que os professores ganham fora da sala de aula para, supostamente, preparar suas aulas). Se atendidos em toda extensão de suas demandas na questão da tal “hora-atividade” – que só existe no Paraná – os professores da rede estadual se transformariam em trabalhadores de meio expediente, mas com remuneração de período integral. Uma situação que não se encontra nem na rede pública da Suíça.

Os professores fingem desconhecer as dificuldades financeiras enfrentadas pelo governo, simulam ignorar os ganhos obtidos nos últimos quatro anos (quando receberam aumentos de 62% contra uma inflação de 26%) e exigem um reajuste de 8,17%, quando o governo oferece o que pode dar: 5%. A diferença de salário, para um professor que ganha o piso, entre os 8,17% exigidos e os 5% oferecidos, corresponde R$ 96,00. Para o governo a conta muda de figura, são R$ 45 milhões mensais, ou R$ 585 milhões anuais a mais. A questão que deveria se colocar, com honestidade, é a seguinte: vale a pena continuar infligindo prejuízos imensos para os alunos por conta de R$ 96,00?

A conclusão é evidente. Ou se admite que os estudantes da rede estadual são vítimas de uma greve política, encomendada pelo PT, para desgastar um governo do PSDB, ou temos de assumir que os professores estão se apegando a uma pauta extremamente mesquinha para deixar centenas de milhares de alunos sem aula. Querem forçar a mão para trabalhar meio expediente e ganhar por um período integral e não abrem mão de um reajuste de meros 3,17%, apesar de terem embolsado 36% de reajuste além da inflação nos últimos 4 anos.

Nunca é demais recordar que a situação salarial relativamente confortável dos professores do Paraná é admitida pelos dirigentes do sindicato quando não estão nas imediações jornalistas ou as câmeras da RPC. Em um vídeo postado no Youtube em 8 de setembro de 2014, a professora Marlei Fernandes, ex-presidente da APP e líder da greve atual, enumera conquistas salariais da categoria. Entre elas cita o exemplo de um professor da rede estadual do Paraná pode se aposentar com até R$ 12 mil mensais, o triplo do piso do INSS.

31 Comentários

  1. Já conheço o vídeo. Não vou assistir novamente pois não aguento mais ouvi a voz desta, como direi, “professora”. Argh!

  2. O sr. Jornalista pelo jeito não foi informado que a lei áurea ainda vigora…na sua visão o tempo que professores usam para preparar aulas, materiais didáticos, atender pais de alunos, corrigir provas e trabalhos deve ser dado de graça pelos mestres….o sr. prestaria assessoria de imprensa gratuitamente?

  3. Outra: hora atividade eh lei federal, no minimo 1/3 da carga horária. Existe no Brasil inteiro, na redes publicas e privadas, onde geralmente e de 50%.

  4. Juliano de Bastos Dallalibera Responder

    Aqui está o texto mais claro e convincente sobre a greve que alguém já escreveu desde o início da mesma em 7 de fevereiro (primeira parte). Sábias palavras meu caro Fabio, mas você irá receber muitas críticas de alguns professores indesejáveis que não sabem controlar seus impulsos, para não dizer outra coisa e jamais conseguirão admitir que tudo o que o colunista escreve é verdade e que seja dito uma coisa: com 35% de hora-atividade (atualmente) muito não vem cumprindo seu papel, imagine se chegar ao absurdo dos 50%? Certo é que tem uma boa parte de professores que cumprem suas tarefas, mas enquanto existir essa internet wi-fi nas escolas, estamos perdidos, aliás, os alunos estão perdidos. Queria eu, que o governo enxergasse isso e fiscalizasse, pois essa tropa de diretores Requianados que estão por aí fazem vistas grossas para o problema. Quanto aos reajustes nem é preciso falar que no Paraná se ganha muito além do que em outros estados. O grande problema é que tem professor que quer ganhar como jogador de futebol, o facebook mesmo está cheio dessas baboseiras. Tem professor que quer se imaginar um Neymar, ou um Messi e não passa de um Túlio Maravilha em final de carreira. Por fim, essa greve é sustentada em 100% pelo PT. Como professor estadual que só parou quando foi ameaçado ser jogado escada abaixo durante a greve se não aderisse à paralisação, fico na expectativa de saber qual será o próximo passo desesperado da APP para continuar a greve?

  5. UAI, vc mesmo publicou que somente 329 escolas estão em greve… então não precisa fazer esse terrorismo mimento de mais de 1milhao de alunos sem aula…

  6. UAI, vc mesmo publicou que somente 300 e poucas escolas estão em greve… então não precisa fazer esse terrorismo mimento de mais de 1milhao de alunos sem aula…

  7. Geraldo Martins Responder

    Então que esse povo quer… vai trabalhar cambada de vagabundo… o Paraná não merece essa corja de vermelho… eca….um jornalista deu a seguinte sugestão: tira xerox de um contracheque de 04 anos atrás e um recente e mostra ao público, aí a gente vai saber quem está falando a verdade.

  8. PORQUE NÃO SE DIVULGA ESTE VIDEO , DEVERIA TER PASSADO NUM TELÃO NA FRENTE DA ASSEMBLEIA DURANTE A GREVE

  9. Esqueceu apenas deste detalhe. O professor terá que ter: 4 anos de faculdade + 1,5 de especialização, passar em dois concursos públicos de 20 horas cada, esperar mais três anos de estágio probatório, para poder avançar na carreira, sendo que para obter este avanço não poderá ter nenhuma falta em seu histórico e fazer 200 horas de curso dentro de sua área ou 300 horas de curso fora da área de atuação a cada 2 anos, quando chegar no nível 11 ele deverá realizar o PDE + 2 anos e depois iniciar tudo de novo até alcançar o nível 11 novamente, resumindo para se chegar ao final de carreira levará + ou – 30 anos sem falar nas horas de curso que serão aproximadamente 2000 horas. Olha são poucos professores que conseguem alcançar todos os níveis até a data de sua aposentadoria. Resumindo nada vem de graça.

  10. Walderez Pohl da Silva Responder

    Fábio Campana, eu nunca votei no PT. Mas, estou indignada com o governo Beto Richa, no qual depositei a confiança do meu voto. Primeiramente, ao ser descontada nos meus provento de aposentada. Contribui por mais de 40 anos e, agora, volto a contribuir. Certamente para me aposentar lá no céu. Segundo, a correção dos salários na data base, além de ser direito dos trabalhadores eh lei. Assim sendo, FORA BETO RICHA!

  11. Moisés Fróes Responder

    APP-PR a serviço dos derrotados corruPTistas.
    Será que não há gente decente nesta APP para parar com essa bagunça?
    O povo paranaense de verdade não está gostando disso e logo vai revidar.

  12. incrível a cara de pau desse pessoal da APP. Mentem sobre salários, choram as pitangas, mas quando estão no particular, admitem que nunca um governador deu tanto aos professores quanto Beto Richa.

  13. Petralhada usando os professores como “boi de piranha” pra desestabilizar o Estado.

  14. SÉRGIO FERNANDES STACHESKI Responder

    É verdade!!! O salário dos Professores e Funcionários aumentou em muito desde 2002! O Governo do Paraná tem honrado o compromisso com os Professores, no que se refere aos salários!

  15. Não sou petista, para falar a verdade nunca gostei deste partido, porém, apoio incondicionalmente a APP, da mesma forma que apoio o GAECO e a Imprensa nas divulgações de corrupção e incompetência no desgoverno Richa.

  16. A líder da greve, vendeu sonhos e mentiras para eleger a chapa 1, pois esta realidade descrita por ela não é verdadeira. Até mesmo o governo em propaganda milionária divulgada em horário nobre na Rede Globo, convocando os professores, descreve uma realidade diferente, a qual também não é verdadeira: o governo descreve um salário inicial de mais de 3 MIL reais, sendo que não chega a 2MIL, e anuncia que com 25 anos de trabalho o salário do professor paranaense chega a 8,5 MIL, entretanto, não explica que essa realidade não atinge 1% dos professores.

  17. “O principal objetivo dos líderes dos grevistas é político.” (palavras suas).

    E o governador, a presidanta, os deputados, senadores e o resto da camarilha exploradora da boa vontade dos cidadãos são o quê, além de políticos?

  18. É, , se alguem ver esse video, começa a achar que a coisa está melhor para os professores do que para qualquer outra categoria. essa greve ja está cansando a minha beleza, essa categoria tem que tomar cuidado para não entrar no jogo politico, se não perde a razão e o apoio popular.
    estamos em uma crise, onde empresas como volvo, volkswagen, e outras grandes estão demitindo ou dando férias coletivas, hoje se conseguir manter-se no emprego tem muita classe que ja está no lucro.

  19. Miguel Rosa Neto Responder

    Prezado Fábio.
    Mesmo sem saber se este será publicado, me permito afirmar que a tua parcialidade chegou ao limite ético.
    Não é porque a APP-Sindicato está repleta de cutistas, petistas e agitadores apelegados, verdadeiras ervas daninhas da política, que TODOS os professores são farinha deste saco.
    A questão não é apenas sobre os ditos 96,00, que alias estão subestimados, nem sobre os 3,17% de diferença, nem sobre a situação financeira do Estado.
    A questão é sobre justiça, sobre seriedade, sobre transparência, sobre austeridade, coisas que só passaram a interessar ao Governo do Estado agora, mesmo que existentes desde 2013.
    A mim, servidor público estatutário, sem ser professor, pouco interessa que a situação financeira seja caótica, muito porque a causa foi o desatino populista, a falta de competência gerencial, o gasto exagerado em coisas desnecessárias e a arrogância politica predominante.
    Isso para não se falar nos interesses eleitoreiros de 2014.
    Eu ficaria preocupado e até abriria mão de qualquer reajuste se a situação fosse conjuntural, e não gerencial.
    Quem pariu Matheus que o embale, Fábio.
    Tudo que aí está foi obra e arte do Governador e de seu séquito de vacas de presépio, tanto do executivo como desse legislativo frouxo, inerte, oportunista e fisiológico.
    Afinal, esses deputados vendilhões deram um cheque em branco para que o governo dilapide ao seu bel prazer um patrimônio que não é seu, como é o caso do Fundo Previdenciário.
    O dinheiro que lá está, ou estava, é fruto da contribuição de poucos, todos servidores, com muito pouco alocado pelo executivo.
    Era uma poupança com dono, que agora será dividida com quem nunca contribuiu.
    Você, meu caro Fábio, que não é burro nem nada, com certeza não aceitaria calado se tivesse, enquanto pessoa, poupado durante quase 20 anos seu dinheirinho e agora alguém viesse, sem ter nunca poupado, dividi-lo com você.
    Sempre fui um admirador do seu trabalho jornalístico, mas reitero: a sua parcialidade está exacerbada e irritante.
    Ou será que adentrou na folha de pagamento do Governo?

  20. CARA DE PAU É POUCO PARA ESSA MALOQUEIRA DESORDEIRA PETISTA, PROFESSORA? MARLEI. FICA AQUI MINHA REVOLTA E LAMENTO PELOS COITADOS ALUNOS QUE ESTÃO MAIS BURROS NESTE SEMESTRE. O ENSINO JÁ É FRACO, COM 2 MESES SEM ESTUDAR O QUE FALAR? PARABÉNS A TODOS OS IDIOTAS QUE CAÍRAM NO CONTO DO PT, E TORNARAM SE MASSA DE MANOBRA. RATOS, É ISSO O QUE ME PARECE SER: PROFESSORES, MILITANTES E UNIVERSITÁRIOS NO PARANÁ AGEM COMO RATOS ESCROTOS. O PT ESTA ARRASANDO COM ESTA NAÇÃO. GOSTARIA DE VER OS ALUNOS E FAMILIARES FAZENDO PROTESTO CONTRA OS PROFESSORES E CONTRA ESSA QUADRILHA ORGANIZADA CHAMADA APP SINDICATO. NO DIA 29 DE ABRIL, BEM QUE PODERIA TER ACONTECIDO UM “MASSACRE” COMO DIVULGAM, ASSIM, TERIA ACABADO DE VEZ COM ESSA RAÇA MALDITA QUE ARREBENTA LARES, INSTITUIÇÕES E O ENSINO!!!!!!!!!!!!

  21. Mauricio Pontes Responder

    PARABÉNS FABIO POR SER IMPARCIAL E CONSEGUIR NOS TRANSMITIR COM CLAREZA TODO MOVIMENTO PETISTA (APP SINDICATO- PT- CUT..). VOCÊ É SÉRIO E REFERÊNCIA. CONTINUE COM SUAS MATÉRIAS PERTINENTES. ABÇS

  22. junior MARIANO Responder

    GREVE DE ARRUACEIROS, DESORDEIROS, MARAJÁS RECEBEM SEMTRABALHAR.

    PAIS NAO MERECE ISSO, VAMOS PRIVATIZAR ESCOLAS E SAUDE NO BRASIL.

  23. Observador Atento Responder

    Não podemos concordar com a ações repressivas ocorridas quando da manifestação dos professores, independetemente da presença de pessoas totalmente alheias a classe e cujo objetivo óbvio, desses intrusos, era tumultuar. Esta senhora, contudo, ao mencionar e salientar as conquistas obtidas pelos professores nos últimos anos, com o intuito de obter votos para sua chapa, comete uma incoerência e demonstra ser oportunista e uma pessoa sem caráter. Suas posições mudam de acordo com a sua conveniência. No momento da greve, nada se conquistou, mas para continuar “mamando” no sindicato, tudo o que foi conquistado deve-se ao sindicato e “graças a ela”. Não merece o respeito da classe de professores. Não é confiável. É oportunista. Lembra-se a Dilma em sua campanha à presidência. Mentiu escondeu do povo a real situação do país.

  24. Professora sim, trapaceira não Responder

    Está na hora de repensarem, senhores professores e deixarem de ser representantes de partidos como PT e PSOL, os quais têm como a “menina dos olhos” o Paraná. Não da para entender como deixam uma Gleise petrolão falar em nosso nome, e não bastasse divulgam as asneiras que a mesma diz. A elite pensante, deveria lutar sim, mas sem bandeiras que representam interesses partidários. E os cortes na educação feitos pela presidente? Ninguém da categoria fala. Por que será? Cansada! Lutemos então para ganharmos como os deputados que nada fazem a não ser querer aparecer agora para terem os louros na próxima campanha. Sinto vergonha quando vejo colegas que mal sabem escrever e vivem de atestado gritando sem fobia alguma. Agitadores, analfabetos funcionais.Estou descrente que a educação melhore nesse país. Realmente não educamos para eleger nossos representantes uma vez que não temos essa educação.

  25. -A APP-Sindicato deveria ser responsabilidade criminalmente pois está infligindo prejuízos ao ensino e aos estudantes do Paraná!!!

Comente