Uncategorized

Beto reúne secretariado
e estabelece prioridades

o governador beto richa durante reuniao do secretariado.

Neste momento, o governador Beto Richa está reunido com o secretariado. Trata dos avanços do ajuste fiscal e do prosseguimentos dos programas sociais e de obras. É claro, as circunstâncias da greve dos professores e das pressões contra o ajuste entram no final da pauta. Mas a ideia central é a de que o governo deve prosseguir em seu trabalho, apesar da campanha feroz que sofre no momento.

O governador Beto Richa disse que o Paraná está retomando as obras, ações, programas e investimentos e enfrentará a crise nacional com foco no trabalho e na racionalização de custos e despesas. “O Brasil não vai frear o Paraná. Pelo contrário: é o Paraná que vai ajudar a empurrar o Brasil pra frente”, disse.

Richa destacou que o Estado vai continuar gerindo com responsabilidade e equilíbrio orçamentário. “Vamos retomar com força o ritmo das ações, obras e programas de governo que são vitais para o nosso desenvolvimento”, defendeu.

Frente à crise nacional, Richa afirmou que as ações de governo se voltam ao reaquecimento da economia do Estado, criação empregos em todas as regiões, e no fortalecimento à atração de investimentos e a qualidade de infraestrutura no Estado.

Beto Richa disse ainda que os pagamentos atrasados dos nossos fornecedores estão sendo colocados em dia e as obras de infraestrutura estão sendo retomadas gradativamente, em todo o Estado.

MEDIDAS – O governador disse ainda que o Paraná se antecipou em relação aos outros estados e tomou as medidas necessárias para manter as obras de infraestrutura. “Adequamos, com muito sacrifício, a realidade do Paraná à perspectiva de um Brasil que enfrenta agora a combinação perversa de juros altos, inflação fora de controle e desemprego em marcha”, disse.

Com a aprovação na Assembleia Legislativa, o governador disse que o ajuste financeiro foi concluído. “Porém, continuamos adotando ações administrativas para cortar gastos e economizar. Esse é um processo contínuo, de revisão diária, de racionalização das despesas”, disse.

REFERÊNCIA NACIONAL – Richa fez um balanço da administração e citou alguns indicadores que mostram o crescimento do estado do Paraná nos últimos anos como, por exemplo, o Ipea que colocou o Paraná como o segundo Estado com o menor índice de desigualdade social do Brasil.

Ele destacou que enquanto nos governos anteriores, as empresas iam embora, hoje elas vêm para o Estado. “Geramos o maior ciclo industrial da história do Paraná”, defendeu.

Enquanto no Brasil o índice de desemprego crescer, o Paraná foi o segundo Estado brasileiro que mais gerou postos de trabalho no primeiro quadrimestre. “Temos muitos motivos para não nos deixar abater pelo pessimismo”.

O Paraná é o terceiro Estado mais transparente do Brasil segundo a Controladoria Geral da União, um órgão federal. De acordo com Richa, na área social, o governo realizou o maior programa de habitação da história do Paraná.

O governador citou ainda a contratação de policiais e professores e lembrou que nos últimos quatro anos o estado garantiu um reajuste médio de 63% para os servidores públicos do Paraná. “Ainda hoje esperamos concluir uma nova proposta para a correção dos salários do funcionalismo, com apoio da nossa base parlamentar na Assembleia Legislativa”, garantiu.

4 Comentários

  1. Esse desgoverno está mais perdido que a bagana de um charuto na boca de um bebum, tem com maiores realizações: corrupção, incompetência, intransigência, cinismo e mentiras na “cara dura”.

  2. -E a greve dos professores???
    -Não basta contratar mais professores e policiais.O Governo tem que capacitar melhor os professores e o ensino nas escolas. Este mesmo raciocínio vale também para os policiais civis e militares, bombeiros.
    -Melhor mesmo, seria capacitar os políticos…

  3. tania mara rocha Responder

    E´o fim da picada, a impressão que da é que o nosso governo anda comendo um monte se semente de papoula de tanta bobagem que fala! Sem noção mesmo, já não basta a grande besteira que fez em parcelar o reajuste dos funcionário, cara vc não é Deus, se liga e preste atenção nas GRANDES besteira que vc vem fazendo.Se o teu nome aparecer no lava jato e na denuncias da receita em londrina em tudo aquilo que esta acontecendo nas investigações secretas, nada mais me surpreende!

Comente