Uncategorized

Dilma vai privatizar o metrô de Curitiba?

fruet e dilma2

O governo Dilma avalia incluir no seu novo pacote de concessões grandes obras de mobilidade urbana, privatizando projetos de metrô há mais de 20 anos prometidos para grandes capitais, mas nunca realizados. Os trens de Porto Alegre e Belo Horizonte devem ser os principais desse adendo ao programa de logística, que já prevê investimentos em rodovias, ferrovias, aeroportos e portos. A previsão é que o valor movimentado ficará entre R$ 110 bilhões e R$ 130 bilhões nos próximos anos.

Já anunciado por três vezes pela presidente Dilma e sem obras sequer iniciadas, o metrô de Curitiba não deve fazer parte das concessões. A obra se junta assim ao Aeroporto Afonso Pena, também na região da capital paranaense, que era tido como um dos que poderiam ser repassados à iniciativa privada para melhorar a eficiência mas que na última hora ficou de fora.

13 Comentários

  1. Sociedade Responde Responder

    E como fica o poder local dos ex-ministros paranaenses com mais esse sinal de desprestígio pelo governo federal? ** Quer dizer que toda aquela encenação era só para oba oba, resultado prático, nada? ** Ser político dessa forma é degradante, chega uma hora que ninguém mais acredita e menos ainda, respeita. Triste. Muito triste!

  2. MANOEL BOCUDO. Responder

    MAS ELES NÃO ERAM CONTRA AS PRIVATIZAÇÕES DO FHC QUE TANTO CRITICARAM E ATÉ HOJE FALAM E NÃO OLHAM AS CACAS QUE ESTÃO FAZENDO….. CHAMA O FBI SIBÁ MACHADO PELO AMOR DE DEUS

  3. Sergio Silvestre Responder

    Quais ministros,aqueles que voces malham todos os dias,até o Facchin voces eram contra,me parece que tem que tomar CHÁ de semancol ou continuar tomando relhadas nas costas.Isso parece sadomasoquismo.

  4. Sergio vc. está sugerindo que essas porcarias de ministros que eram Paranaense fizeram alguma merda pelo estado, melhor, só fizeram merda mesmo!

  5. pato-branquense Responder

    Como dizia o folclórico Barão de Itararé : “de onde menos se espera, daí é que não vem”. Se quando esse (des)governo petista tinha dinheiro em caixa já não vinha nada ao nosso Estado, agora, quebrado, é que fica impossível….

  6. Vigilante do Portão Responder

    Sabem o valor destinado para a obra do METRÔ?

    Orçamento de 2016 = R$8.milhões.

    A prefeitura não se manifesta;
    O Ministério das cidades, do mesmo modo, fica em silêncio;
    Nosso maior Jornal, omisso, não toca no assunto.

  7. antonio carlos Responder

    Só acredito vendo, porque está mais fácil o camelo passar pelo fundo da agulha do que um dia este “metrôo encantado” sair do papel. Talvez quando São João Maria e o Exército encantado de São Sebastião aparecerem pelos campos de Irani isto aconteça. Mas até lá nem a camarada presidanta vai estar viva e nem o Guguinha para verem a inauguração.

  8. Observador Atento Responder

    O PT, que tanto combatia a privatização, agora joga para a a iniciativa privada o resultado de sua incompetência e desmandos. E o prefeito Gustavo Fruet que tanto combateu o PT quando deputado, alia-se a eles. Quanta incoerência na política.

  9. Tem que ter metro em Curitiba. Esse sistema de tubos já esta entrando pelo cano!
    Já não é mais o melhor transporte do mundo.
    Sem metro isso aqui vai virar um caos. Aqui onde eu moro grande parte da poeira e da poluição é feita pelos expressos e outros ônibus.
    Isso acabaria se o metro fosse subterrâneo.

    Sou a favor do metro em Curitiba!

    Se for privatizado, e daí? Os ônibus e as rodovias e as igrejas já são!

  10. NO ANO QUE VEM TEREMOS ELEIÇÕES E A PETEZADA NÃO QUER LARGAR A PREFEITURA, ENTÃO JÁ COMEÇAM AS ESPECULAÇÕES DO METRÔ FALIDO AINDA NO PAPEL. OBRAS EM CURITIBA É NOTA ZERO. FORA PETEZADA! NADA DE NOVIDADES NO PAÍS DA MENTIRA E DA CORRUPÇÃO, INCLUSIVE COM REPRESENTANTES NA CORRUPÇÃO DA FIFA, É CLARO, NÃO PODIAM FALTAR OS BRASILEIROS ENVOLVIDOS, SÓ PARA MANTER A TRADIÇÃO E A NOSSA FAMA MUNDO AFORA! NADA MUDA! NADA MUDARÁ! É MAIS DO MESMO! E SEGUE A VIDA NA TERRA DE SANTA CRUZ DE NINGUÉM!

Comente