Uncategorized

Passa amanhã

Painel, Folha de S. Paulo

Lula ficou furioso ao ouvir de deputados do PT que o Palácio do Planalto foi informado na noite de quarta-feira sobre a articulação para convocar Paulo Okamotto na CPI da Petrobras na manhã seguinte, mas não atuou para impedir. Parlamentares procuraram o núcleo político do governo e recomendaram que o presidente da CPI, Hugo Motta (PMDB-PB), fosse chamado para uma reunião para discutir a liberação de emendas e cargos. A resposta foi que não havia espaço na agenda.

Piaba – Motta trava uma disputa com o deputado Manoel Júnior (PMDB-PB) pela indicação do chefe da delegacia do Ministério da Pesca na Paraíba. A equipe de Michel Temer ainda não decidiu quem será o contemplado.

Tubarão – O núcleo do governo, porém, entende a convocação de Okamotto como um recado de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) de que voltará a fustigar o governo se Dilma vetar emendas à medida provisória do PIS/Cofins que beneficiam algumas empresas.

Comente