Uncategorized

Muita CPI para
pouco Senador

do Lauro Jardim:

O Senado está passando por uma situação insólita: a dificuldade em encontrar senadores dispostos a integrar CPIs.

Três já estão instaladas (Carf, HSBC e Jovens Assassinados) e mais duas se avizinham (Fundos de Pensão e CBF).

Mas algumas regras atrapalham.

Senadores não podem participar de mais do que duas CPIs, presidente e vice-presidente não podem participar e líderes até são indicados, mas costumam não atuar nas comissões devido à rotina ocupada com articulação política.

1 Comentário

  1. Luiz Carlos Pacheco Responder

    Não acham os senhores que está tudo invertido? O Executivo legisla, o Legislativo investiga e o Judiciário manda executar.
    Há que se começar por colocar ordem na casa.
    Mas, cadê a Presidente? Também sumiu.

Comente