Uncategorized

Vaticano vai julgar pela primeira vez um religioso acusado de pedofilia

d’O Globo:

O Vaticano vai realizar pela primeira vez o julgamento de um religioso acusado de pedofilia. O tribunal vai se reunir no dia 11 de julho para avaliar o caso de Jozef Wesolowski, ex-embaixador da Cúria Romana na República Dominicana.

Wesolowski está sendo formalmente acusado de manter relações sexuais com menores e posse de material de pornografia infantil. De acordo com o Vaticano, os abusos teriam acontecido tanto em Roma quanto em Santo Domingo, capital da República Dominicana, entre 2008 e 2014.

“No primeiro caso se trata da posse de material pedófilo, um delito que o Papa Francisco introduziu na legislação do Vaticano em 2013. O segundo caso diz respeito ao abuso sexual de menores, baseado em uma acusação interposta para as autoridades judiciais de Santo Domingo”, comunicou o Vaticano.

A Santa Sé informou ainda que poderá analisar os computadores utilizados pelo religioso em busca de provas e “eventuais formas de cooperação internacional”. Além do anúncio sobre o julgamento de Wesolowski, o Vaticano também revelou que aceitou a renúncia de dois bispos americanos acusados de proteger padres pedófilos.

1 Comentário

  1. antonio carlos Responder

    Parabéns papa Francisco, o bom exemplo sempre vem de cima. Se o acusado for realmente culpado peça que ele venha cumprir a pena a qual foi condenado em alguma das nossas prisões. Caso ele saia vivo de uma delas já pode ir iniciando o processo de beatificação do cara.

Comente