Uncategorized

‘Não denunciamos nem 25%’, diz procurador
da República sobre a Operação Lava-Jato

Em entrevista ao Globo, Carlos Fernando Lima, Procurador da República, revelou que a Lava-Jato ainda tem fôlego para denunciar empresários e políticos. “Nós não denunciamos ainda nem 25% (dos investigados) do esquema envolvendo as diretorias básicas da Petrobras, de Serviços e Abastecimento. Ainda temos a parte das sondas, da área internacional do (Nestor) Cerveró e (Jorge Luiz) Zelada. Temos que fechar uma investigação na área de comunicações, que teve informações prestadas pela (ex-gerente) Venina Velosa. E temos a parte de investigação que resultou na prisão do (ex-deputado) André Vargas e do (publicitário) Ricardo Hoffmann, envolvendo a comunicação da Caixa e do Ministério da Saúde. E ainda a questão do cartel em Angra 3 e algo semelhante em Belo Monte.” disse o Procurador da República.

A entrevista completa pode ser lida aqui.

3 Comentários

  1. antonio carlos Responder

    E nem chegaram aos empréstimos do Banco Social, quando chegarem lá a única coisa a fazer é começar o Brasil de novo.

  2. Ilario Caglioni Responder

    Pelo jeito da carruagem, esta historia do Lava Jato vai ser um infindável de informações e contrainformações sem nenhum resultado efetivo. Assim entre mortos e feridos todos vão sair vivos e ilesos. Quer apostar?

  3. valdir izidoro silveira Responder

    Por que tanta demora em denunciar os outros 75%? Será porque são na maioria tucanos, do demo e do pmdb? Por que só concentram fogo do pt?

Comente