Uncategorized

Paraná parcela tributos em atraso e espera arrecadar R$ 700 mi

O

O Paraná lançou nesta segunda-feira (21) um programa de parcelamento de tributos em atraso gerados até 31 de dezembro de 2014. Os débitos podem ser acertados em até 120 parcelas (dez anos), com redução de 50% do valor da multa e de 40% dos juros. Se a opção for por pagamento à vista, as vantagens serão ainda maiores: 75% de desconto sobre o valor da multa e de 60% sobre os juros.

O secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, disse que o Estado deve arrecadar mais R$ 700 milhões com o programa. “Temos R$ 5 bilhões de dívidas de contribuintes ativos e a expectativa é que, até o mês de setembro, haja uma adesão líquida de R$ 700 milhões. Contamos com os recursos para cumprir com os compromissos neste ano, incluindo com o pessoal. Lembrando que, por determinação do governador, o reajuste salarial começa a valer em outubro”, ressaltou.

O programa abrange débitos do ICMS, IPVA e ITCMD, além de taxas de quaisquer espécies e origens, multas administrativas de natureza não-tributária e multas contratuais.

4 Comentários

  1. Bazaar de liquidações para atender reajuste ?

    Deixa entender bem: quer dizer que quando prometeram, ainda assim sabiam que não tinham caixa para honrar o índice prometido ?

    E esperam que a sociedade, também arrochada pelo governo em tributos, vá pagar débitos para o governo pagar reajuste de professor e servidor quando uma escola em Almirante Tamandaré faz 10 anos não tem condições de oferecer educação aos alunos, conforme reportagem de ontem na televisão ?

    Gente, pede para sair !

  2. Tai os vampiros reunidos, só faltou o vampiro chefe o maldito e morto polittcamento beto broxa.

  3. Esse Traiano nem consegue disfarçar essa cara de larápio. Bandido no fim da vida e ainda sendo canalha.

Comente