Uncategorized

Cunha vê ‘acordão’ e indaga: ‘cadê os petistas?’

Josias de Souza

Pendurada no alto de todos os principais sites de notícias na tarde desta quarta-feira (19), a notícia de que a Procuradoria denunciaria Eduardo Cunha ao STF fez tudo parecer irrisório na Câmara. Reunido em seu gabinete com um grupo de líderes partidários para discutir a pauta da sessão noturna, Cunha viu-se obrigado a tratar de Lava Jato. Serei denunciado, disse, chovendo no molhado. Não tem nada contra mim, acrescentou, antes de reiterar que foi escolhido como alvo pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot. Não explicou o porquê da alegada perseguição.

A certa altura, Cunha indagou: Por que não são denunciados os petistas? Cadê os petistas? Referia-se a investigados como os senadores Humberto Costa (PE), Lindbergh Farias (RJ) e Gleisi Hoffmann (PR), todos filiados ao PT. Sem citar o nome de Renan Calheiros, seu companheiro de PMDB, Cunha insinuou que o presidente do Senado também não consta da primeira leva de denunciados por conta de um “acordão” que teria celebrado com Dilma Rousseff e Rodrigo Janot. Durante a conversa, Cunha falou várias vezes em “acordão” como neologismo para acobertamento.

Os líderes foram ao gabibete da presidência do Senado para tratar da votação da emenda que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos, que seria aprovada em segundo turno horas depois. Entre os presentes, havia representantes do PMDB e também dos oposicionistas PSDB e DEM. Cunha não pediu nada aos interlocutores. Mas pelo menos um dos líderes enxergou um apelo escondido nas entrelinhas do fraseado de Cunha. Foi como se ele dissesse: não me deixem só. Por que só eu, o Ciro Nogueira e o Fernando Collor?, indagou, citando os outros dois nomes levados ao noticiário como denúncias na bica de acontecer.

9 Comentários

  1. justino bonifacio martins Responder

    Cadê os petistas? Até agora só pegaram os petistas, a tucanalhada e os demo estão blindados pelo Moro.

  2. Doutor Prolegômeno Responder

    Os petistas virão ao seu tempo. Melhor cozinhá-los em fogo brandíssimo. Dilma será como o sapo do ditado, que vai se acostumando com a temperatura da água subindo e quando perceber será tarde demais para pular fora da panela.

  3. Ele deveria perguntar cadê os tucanos e democratas? Já que petista está na cadeia, só falta ele e a turma do Aécio e FHC.

  4. Sergio Silvestre Responder

    Esse sr ai é um inimigo numero um do Brasil e tem que ser preso imediatamente,mas a cegueira de muitos opositores até por causa da sua oposição já estavam parelhando ele com o Juiz Moro.
    Ta vendo gente,não podemos sair por ai distribuindo condecoração de herói sem ir pescar com o sujeito e dormir numa barraca com ele ao menos uma semana.

  5. Eduardo Cunha para presidente. Tô falando serio gente, ele tem peito pra ir pra cima dos petralhas. Fora Renan, cabra frouxo.

  6. Nas últimas semanas foi fechado um acordo secreto para não prender o LULA, envolvendo o #PTtanic/DILMA, alguns dos maiores empresários do país (incluindo a REDE GLOBO), alguns senadores, alguns membros do Judiciário (incluindo a Procuradoria Geral da República) e alguns membros da posição.
    E esse acordo inclui a manutenção da DILMA até o fim do mandato.
    Tudo isso em nome da “GOVERNABILIDADE DO BRASIL”. No caso do LULA, esse pessoal teme que a sua prisão geraria uma convulsão popular por parte milhões de brasileiros ignorantes que ainda o idolatram

  7. antonio carlos Responder

    Que horror, ladrão cobrando de ladrão, só faltava esta mesmo. Mas não esquente a cabeça não deputado, a vez dos citados vai chegar. A única diferença é que a tua vez chegou antes.

  8. Não sei se o Eduardo Cunha deve ou não. Porém, acho que isso é armada do PT para tirá-lo da presidência da Câmara. Com ele fora, o PT voltará a deitar e rolar lá em cima, ainda mais agora, que já seduziram o Renan. Outra coisa: Cunha foi o único que teve “aquilo roxo” para “peitar” o alto clero dos petralhas (o Juiz Sérgio Moro é em outra esfera). Nada melhor do que tirá-lo de lá, para que continuem os desmandos, a roubalheira e a varrição para debaixo do tapete.

Comente