Uncategorized

Na ALEP, Câmara e na prefeitura, PT liberou militância funcionária

corredor - foto1

Ontem (quinta-feira, 20), foi um vale tudo para reunir os 600 apoiadores da presidente Dilma Rousseff (PT) em Curitiba. As lideranças do PT na Assembleia Legislativa e na Câmara de Vereadores liberaram os funcionários, mesmo durante o expediente, para participar do ato governista. A foto registra o gabinete da Liderança do PT fechada o dia inteiro na ALEP, mas a luz estava acesa.

10 Comentários

  1. E mesmo assim muitos não foram, preferiram folgar em casa com a família; está difícil esta vida de petralha!

  2. Vigilante do Portão Responder

    Até a DESOCUPADA da VICE, que deveria estar dando expediente, flanava no caminhão de som, imagine a PELEGADA.

    O Prefeito, não se pronunciou?

    Apoia a Roubalheira na Petrobras, Eletrobras,m |Caixa…

    Está CONTRA as investigações do Sérgio Moro?

    Faz fila para visitar o Vaccari e o Zé Dirceu?

    E a Gleisinha, juntamente com o Paulo Bernardo, deram as caras?
    Foram levar um lanchinho para Vargas?
    Quem sabe, uma caixa de “habanos” para o Zé Dirceu?

  3. MANOEL BOCUDO. Responder

    VAMOS LÁ MEU POVO GARANTIR A TETA, “O SACO DO CHEFE
    É O CORRIMÃO DA GLORIA”. E NÃO VÃO PRÁ VER.

  4. Também…. com a boca livre do paõ com mortadela e ainda em horário de expediente , quer mais? Imperdivel !!!!
    Só fiquei intrigado com o numero de 600 participantes. Não teria sido 600.000.000 ? kkkkkk….

  5. Como ficou o Ponto dos funcionários? Bateram o ponto e foram liberados? vão receber sem terem trabalhado? Isso é fraude, a chefia que certificar o ponto esta cometendo um crime!

  6. Vão descontar o dia de serviço dos ptralhas que foram dispensados para participar da farra ou será abonado?.

Comente