Uncategorized

Suicídio ou assassinato? A morte de Renata Muggiati

image

A Polícia Civil de Curitiba investiga o suposto suicídio da modelo e tricampeã de Fitness Renata Muggiati. A fisiculturista morreu na madrugada de sábado (12) depois de, supostamente, ter se jogado da janela do apartamento onde morava com o companheiro, Raphael Suss Marques, no 31° andar de um edifício no Centro de Curitiba. Suicídio ou assassinato? A polícia interrompeu velório e cremação programada para aprofundar investigações.

image

Vizinhos do casal relataram à polícia que os dois viviam um relacionamento conturbado e protagonizavam brigas violentas com frequência. Fotos da modelo com ferimentos no rosto também fizeram a polícia entrar no caso. Além disso, antes da queda do prédio, Renata teria deixado uma mensagem no facebook, afirmando que se suicidava “feliz e em paz” “depois de sofrer três dias de agressões”. A mensagem será analisada para a polícia saber se ela foi publicada antes ou depois da queda.

“Bom, aviso a todos q me seguem que hoje eu meu ultimo diante vida, depois de sofrer 3 dias agressões e por amar a pedsoabq q estava me suicido feliz e em paz”, dizia a postagem de Renata na íntegra, e que foi apagada do seu perfil.

O que chamou a atenção de colegas é que, uma hora antes do texto falando de suicídio, a atleta teria postado na rede social “‘em my sweet home” (no meu doce lar, em tradução livre). Os erros na mensagem também despertaram desconfiança de amigos, que fizeram posts alegando desconfiar de suicídio. Uma amiga da modelo afirmou que Renata não admitia escrita errada.

O médico endocrinologista Raphael Suss Marques, namorado de Renata, é suspeito de ter jogado a fisiculturista pela janela. Ele afirmou à Polícia que, na noite em que Renata morreu, ela tentou se jogar duas vezes, mas ele impediu. Na terceira vez, ele afirmou que estava em outro cômodo da casa e não conseguiu evitar. No depoimento, ele também disse que a atleta sofria de depressão.

A polícia solicitou exames técnicos para apurar o suposto suicídio, entre eles exame toxicológico, coleta de impressão digitais no apartamento e recolhimento de amostras sob as unhas de Renata, para saber se houve briga antes.

12 Comentários

  1. Conheci a Renata adolescente ainda. Difícil crer em suícidio.
    Muito triste com este ocorrido. Que ela esteja em paz e Deus ajude a família a superar esta tragédia.

  2. …Uma tragédia anunciada…investiguem o namorado….apenas e tão sómente….o namorado…

    ….pneto.

  3. Ora bolas, quando uma pessoa tenta se suicidar por duas vezes e o namorado impediu, por quê ele não tomou providências para evitar uma terceira tentativa ? O bom senso manda a pessoa ser prudente e prevenir que outra tentativa ocorresse. Teria que ter tomado medidas urgentes e necessárias, pois, automaticamente, ela persistiria. Se fosse um leigo, não entenderia a gravidade da situação, mas um MÉDICO teria que ter agido diferente. Jamais poderia ficat INDIFERENTE aos fatos.

  4. Vanderlei Padua Responder

    Os erros na caligrafia pode ser compreensível. Se ela escreveu estando muito nervosa ou sobre pressão por alguém ou algo, com certeza não conseguira raciocinar para escrever. A impressão é que esta postagem foi escrita diante do medo e do pânico ou de um estado de nervosismo muito grande. No meu caso, penso que na primeira tentativa após ter tentado se atirar, eu já providenciaria retirar a pessoa dali e leva-la para um lugar mais seguro, pois não iria conseguir dormir sabendo que o fato poderia se repetir no primeiro descuido ou cochilo meu. Um médico também saberia disso. Deveria ter levado ela na mesma noite para um outro local e evitado a tragédia, se é que queria evitar.

  5. Esse post me parece de alguem querendo limpar a barra. Ele pode ate ter digitado antes dela morrer e na pressa dela nao ver, digitou errado.

  6. O tal médico não é nem endocrinologista, não tem esta especialidade registrada no CRM , o q já é ilegal.

  7. Carlos Eduardo de moura mendes Responder

    Com seus vários hematomas(Renata), o namorado, que comprovadamente já tem um histórico agressivo, pode ser acusado de causador e ninguém vai saber se foi incitador. Reparem que ela está de shorts na janela e, já morta ela está de calça!É muito estranho alguém ter a petulância de tirar uma foto enquanto sua namorada está prestes a cometer suicídio.Eu estou indignado e vou deixar que a polícia investigue,mas na minha opinião ele tem e deve ser responsabilizado como o agente causador! E as fotos dela com o rosto desfigurado?ao menos, novamente eu insisto,ele tem que ser responsabilizado por agressão e causador do suposto suicídio.

  8. Ele nao e enfocrinologista basta checar no site do crm. Medicina estetica e antiaging é outra coisa e não é especialidade medica legalmente reconhecida.

  9. Carlos Eduardo de moura mendes Responder

    Quando eu fiz o comentário acima,o Raphael estava sendo julgado.A sua versão tem várias brechas e insisto que ,ao menos,ele deve ser penalizado por agressão.Supostamente,as fotos comprovam, a Renata foi covardemente agredida várias vezes.Eu sou atleta e sei que para se ter um corpo como o dela, tem que haver uma disciplina ferrenha,anos de treino,uma conduta regrada e muita perseverança.Ela não ia comer a comida de uma panificadora(rica em carboidratos e sódio),sendo que ela fazia dieta de proteínas e aquele horário!Com uma investigação aprofundada,saberemos a verdade!

  10. Carlos Eduardo de moura mendes Responder

    Eu achei que as 2 fotos eram do dia do suposto suicídio e é por isso que eu fiz uma confusão com a roupa! me desculpem! eu não sei mais o que pensar,mas a verdade sempre aparece!

  11. Acredito que algum desentendimento naquele momento possa ter levado a moça ao suicidio, visto que se a postagem fosse de outra pessoa se passando por ela(o namorado, por exemplo), pq diria sobre as agressões que obviamente foram feitas por ele? E sobre os erros ortográficos, justifica o fato dela estar muito nervosa e aflita naquele instante, e por desespero e sem pensar muito, suicidou-se.

  12. Assassinato. Hoje, 12 de novembro já tem o laudo sobre o enforcamento antes dela cair pela janela. Mulheres morrem todos os dias, vítimas de agressão. Vamos mudar isso. O mundo precisa de seres humanos melhores, esclarecidos, éticos, de coração pleno. Chega de violência! Vamos falar disso sim, vamos falar muito, vamos educar nossas crianças e vamos punir severamente os agressores e assassinos.

Comente