Uncategorized

Trabalhadores dos Correios podem entrar em greve a partir de hoje

Os trabalhadores dos Correios de todo o país podem entrar em greve hoje (15), a partir das 22 horas. No Paraná, a categoria irá votar a deflagração em assembleias realizadas hoje em Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel, Foz do Iguaçu, Paranaguá e Guarapuava, às 19 horas. Em Ponta Grossa, a assembleia aconteceu ontem e aprovou a paralisação.

Os trabalhadores protestam contra a inclusão, no Acordo Coletivo de Trabalho, de uma nova modalidade de plano saúde, que prevê cobrança de mensalidade e exclusão de dependentes. Os trabalhadores reivindicam também a incorporação da Gratificação de Incentivo à Produtividade – GIP, no valor de R$200; correção linear de 12% da GIP; reajuste das perdas salariais desde 1994, no valor de 22,72%; aumento salarial de R$300; correção automática de salários e piso salarial de R$3.377,62, conforme cálculos do DIEESE.

“Nós queremos saúde de qualidade, nós queremos aumento real, e é isso que vamos mostrar a nível nacional para os Correios, com uma greve geral e unificada”, afirma Marcos Rogério Inocêncio, secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores nos Correios do Paraná – Sintcom-PR. No ano passado, os funcionários dos Correios do Paraná paralisaram suas atividades por 43 dias contra a criação da Postal Saúde pelos Correios, que terceirizou a assistência médica dos trabalhadores.

9 Comentários

  1. MANOEL BOCUDO. Responder

    TRABALHARAM TANTO PARA A DILMA, E LEVARAM UMA PUCHETA,
    TEM FUNCIONÁRIO DEVOLVENDO MUITA PORVA PARA SE
    APOSENTAR BEM, NO FIM DA VIDA, O SR ANDRÉ VARGAS QUE FEZ
    A RETIRADA DOS FUNDOS DE PENSÕES DOS COITADOS E AGORA.

  2. Não seriam mais coerentes se pedissem demissão? Mas, isso ninguém quer. Nem mesmo os professores “e que professores” pediram demissão. Esse povo não sabe o que é ralar no dia a dia, juntar trocados, começar todos os dias do zero e dizer aos filhos: “não dá, agora não posso, quem sabe um dia, essa crise vai passar”. Se existe uma pessoa que dá prejuízo ao país(porque só enxerga seus direitos) é o tal do concursado, salvo alguns. Primeiro as pessoas lutam pela aprovação no concurso, depois reclamam da carga horária, do salário, do ambiente de trabalho, da falta de condições de trabalho e assim por diante, mas ninguém pede pra sair. Deve mesmo ser ruim trabalhar para o governo. Uma ideia seria sair do correio, das escolas e fazer concurso para trabalhar nos pedágios? (…???)

  3. Menos os petistas (a maioria), que por uma questão de lógica, deveriam continuar trabalhando!!

  4. Em quanto existir o Tá do Funcionario Publico no país ,não sairemos mais do caos. FORA ESTATUTARIOS vão trabalhar seus VAGABUNDOS é a quarta greve este ano.Porisso que tem de privatizar tudo neste país .bando de folgados,com as melhores aposentadorias do mundo.

  5. NAO DA MAIS PRA AGUENTAR TANTO FUNCIONARIO PUBLICO..PRIVATIZACAO JÁ DA PETROBRAS..DO BANCO DO BRASIL..DOS CORREIOS ..ISSO NAO EXISTE MAIS EM LUGAR NENHUM !!!

  6. URGENTE..DESCOBRIRAM A CURA DO CANCER !!!
    O PROBLEMA É ENCONTRAR A MATERIA PRIMA PRA FABRICACAO DA VACINA …UMA GOTA DE SUOR DO FUNCIONARIO PUBLICO !!!!

  7. Parreiras Rodrigues Responder

    No blog do Esmael, cacete no Beto porque ele aumentou o preço da batatinha. Nem um tium sobre a greve do INSS, das universidades e, com certeza, nada sobre a que virá, essa dos correios.

  8. Os serviços dos Correios outrora instituição que gozava de credibilidade e orgulho no Brasil, há tempos é péssimo e anda somente pelas concessionárias, apresentem serviço de boa qualidade para depois pedir qualquer coisa.

Comente