Uncategorized

Torcedores do Luqueño fazem terror em frente a hotel onde jogadores do Atlético estão hospedados

Cenário de guerra em Luque, no Paraguai. Na última madrugada, centenas de torcedores do Sportivo Luqueño promoveram o terror em frente ao hotel onde a delegação do Atlético Paranaense está hospedada. Tiros, gás lacrimogêneo e jatos da água foram utilizados pela Polícia local para conter a torcida que tentava invadir o hotel. No vídeo acima, reportagem de uma emissora paraguaia sobre o confronto entre torcedores e policiais.

Sportivo Luqueño e Atlético Paranaense se enfrentam hoje (28), às 20h, pelo jogo de volta das quartas de final da Copa Sulamericana. Um empate coloca o time brasileiro na semifinal da competição.

2 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Responder

    A América latrina continua a mesma, desde os tempos de Solano Lopez. Se fosse na Europa, a agressão racista já teria provocado a eliminação sumária da turma do Chaco-Chaco. Mas, cá na latrino-América, puxa-se a descarga (de cordinha suspensa) e tudo se esquece.

  2. Esquece-se, o Dr. Prolegômeno, que a torcida “paraguaja” só está retribuindo, e diga-se de passagem, com muito mais competência, a recepção do time deles aqui em Curitiba …

Comente