Uncategorized

Motoristas e cobradores podem marcar nova
greve para terça-feira (8)

tudo_bandab

Banda B

A novela no transporte coletivo de Curitiba e região metropolitana está longe do fim e deve ter mais um capítulo nos próximos dias. O Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Curitiba e Região (Sindimoc) confirmou, na manhã desta quinta-feira (3), que deverá abrir um indicativo de greve para a próxima terça-feira (8), com a intenção de pressionar as empresas para o pagamento da folha salarial de segunda (7).

O Sindicato das Empresas (Setransp) afirma não ter dinheiro para pagar a folha salarial. Com isso, a URBS (Urbanização de Curitiba) estuda novo meio de ajudar os patrões. Uma reunião na próxima sexta-feira (4), com mediação do Ministério Público do Trabalho (MPT), terá como intenção evitar nova greve de motoristas e cobradores, que devem abrir indicativo nas próximas horas, conforme contou à Banda B o presidente Anderson Teixeira, do Sindimoc.

“Não estamos participando das reuniões entre URBS e Setransp e isso nos gera uma preocupação com relação ao pagamento dos trabalhadores na próxima segunda-feira. Deveremos abrir um indicativo de greve para a próxima terça-feira (8), a fim de pressionar para que o pagamento aconteça em dia. Se não acontecer, o transporte para”, afirmou Teixeira.

O presidente lamentou que a novela parece não ter um último capítulo. “Como nós estamos afastados da negociação, fica um clima de ansiedade para saber o que está se passando. O trabalhador precisa receber em dia e, se isso não acontecer, vamos parar”, concluiu.

Entre os temas do debate no MPT, pode estar o novo valor da tarifa técnica do transporte coletivo, que pode gera um aumento no valor da passagem para o passageiro. A URBS já confirmou que isso deve acontecer, mas ainda não informou quando.

1 Comentário

  1. ESSAS “EMPRESAS” CARTEL DE MALACOS,SE NÃO DA LUCRO,FECHEM AS PORTAS E DEIXEM QUEM É HONESTO OPERAR O SISTEMA,OU REDUZAM OS LUCROS ASTRONÔMICOS QUE A COISA MELHORA PRA TODO MUNDO.

Comente