Uncategorized

Nem Dilma, nem Cunha

Por Fábio Campana

Devemos admitir que Dilma Rousseff, assessorada por Lula, conseguiu deformar o debate sobre o seu impeachment, reduzindo tudo a uma pendenga entre ela e o presidente da Camara, Eduardo Cunha. Ora, quem pede o impeachment de Dilma não está necessariamente a favor de Cunha, A maioria quer que os dois sejam defenestrados de seus cargos para que o país possa sair da crise. Quanto à Dilma, não devemos esquecer os malefícios que ela causou a esta pátria mãe tão distraída, Vamos a alguns dados incontestáveis.

Depois de garantir o pior desempenho da economia desde 1990, quando o Produto Interno Bruto (PIB) encolheu 4,35%, Dilma Rousseff adiciona mais uma grande marca a seu currículo. Produziu a maior inflação em 12 anos. Em novembro de 2002, a taxa acumulada em 12 meses chegou a 11,02%, como consequência de uma campanha eleitoral conturbada, muita especulação, fuga de capitais e enorme pressão sobre o câmbio. No mês seguinte, a alta de preços arrefeceu e o número final foi de 9,30%. Apesar de tudo, naquele ano a produção cresceu 2,66%.
Quando sair o balanço econômico de 2015, ninguém se surpreenderá se o PIB tiver diminuído 3,50% ou até mais. O desastre geral já aconteceu. Nos 12 meses terminados em novembro, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) aumentou 10,48%, e o resultado final do ano, tudo indica, permanecerá em dois dígitos. Basta uma taxa de 0,40% em dezembro para se alcançar 10% em 2015. Não é preciso listar os prejuízos sociais decorrentes, ou lembrar dos recordes mundiais de corrupção, para me convencer que Dilma, essa mau humorada matrona, é péssima governante.

6 Comentários

  1. Dilma jurou cumprir as leis e a constituição. Não cumpriu, não pode ser mais presidente. Basta!!! Fora!!!

  2. Sergio Silvestre Responder

    Eu não entendo esse impeto golpista,voce mesmo diz que a inflação é a maior em 12 anos isso prova que antes na era FHC essa inflação foi nas alturas e o dolar a 4 reais e não vi a massa central das cidades,os cidadãos que moram em casa grande ou aptos de cobertura pedir o Impeachment dele,mas de repente o povo se enche de brio e sai pelas ruas capitaneados pelo Lobão,Marcelão,e um japa e arrumam contas correntes que abarrotam de dinheiro supostamente para financiar os reacionários que mais parecem nazistas.
    Mas vou fazer uma pergunta para pro Campana,a Dilma sendo deposta quem entra em seu lugar?
    Qual daqueles bandidos do congresso vai assumir o Pais,qual seria o homem probo da politica que poderia por fim na roubalheira.
    E também vocês estão tirando a Dilma para cessar as investigações,para não chegar em governos corruptos e vendilhões,ou poderia chegar a membros do Supremo como foi até ouvido em gravações,
    Gente,o Pais está podre e muitos querem que ele continue podre.

  3. A Dra. Dilma nem acabou o seu governo é já é tida por morta, mas também pudera, ela abusou da nossa paciência. O primeiro mandato nem chegou a acabar e o segundo nem vai começar, chega de tanto amadorismo, não aguentamos tanta incompetência e enganação. Mas este imbroglio todo pode nos trazer bastante lucro, nos livramos de dois de uma vez, coisa inédita na vida deste País, brindado desde o seu início por uma canalha de políticos.

  4. RESUMO DA VONTADE POPULAR: FORA DILMA, FORA CUNHA, FORA RENAN, FORA GLEISI E DEMAIS INDICIADOS DA LAVA-JATO NO STF. LULA NUNCA MAIS. FICA TEMER E TENTA CONSERTAR A CAGADA DE DOZE ANOS QUE TAMBÉM É RESPONSABILIDADE DO PMDB.

  5. Ilario Caglioni Responder

    Entre má administração e impeachment tem uma galáctica inteira de vazio. Vamos tratar as coisas na sua dimensão?

Comente