Uncategorized

Crise faz estudantes do Paraná migrarem para rede pública de ensino

estudantes pr

Dados da Secretaria de Educação do Paraná mostram que nos dois últimos anos (2014 e 2015), 25.601 estudantes deixaram as escolas particulares e ingressaram em escolas públicas do Estado, 13.115 apenas neste ano. Essa movimentação tem na crise seu maior componente. Famílias que já não conseguiam manter os filhos nas escolas particulares acabaram obrigadas a procurar a rede pública. As informações são do Bem Paraná.

O cenário é o oposto do que vinha acontecendo no começo da década. Entre 2010 e 2014, a rede particular no Paraná viu um crescimento de 16,18% no número de novas matrículas, enquanto a rede pública apresentava queda de de mais de 14%, segundo dados do Censo Escolar publicado em outubro no Diário Oficial da União.

3 Comentários

  1. O PT trabalhou muito para que isso acontecesse.Agora,as crianças irão receber aquele “primor” de educação defendida pela APP sindicato.
    Tenho pena destas pobres crianças!

  2. É bom que venham para escolas públicas assim eles vão ver como ela funciona sob o comando do Playboy que eles ajudaram eleger.

  3. TUCANO DA HORA Responder

    Com certeza teremos superlotação nas salas de aula de escolar públicas, mas o povo da “elite” brasileira e paranaense, vivem vangloriando o PSDB, que a única coisa que fez até o presente momento é alimentar a crise política que está refletindo na econômica que está acabando no bolso do trabalhador.

Comente