Uncategorized

“É duro falar, mas Curitiba anda mal cuidada”, diz Leprevost

índice

O deputado estadual Ney Leprevost (PSD) criticou nesta quarta-feira, 20, o prefeito Gustavo Fruet (PDT). “Tentando segurar o dinheiro, ele (Fruet) deixou de fazer muita coisa pela cidade. É duro falar, mas Curitiba anda mal cuidada, com ruas esburacadas, praças com mato crescido”, disse. As informações são de Chico Marés na Gazeta do Povo.

Leprevost também criticou a aliança de Fruet com o PT. “O Gustavo foi forçado a fazer essa aliança com o PT. Mas foi uma aliança que não deu certo, sua gestão não tem identidade. O PT e o Gustavo não combinam, não conjugam bem. Tenho a impressão que ele ficou com uma gestão sem comando”, disse. Entretanto, ele diz que não se trata de má fé. “Não acho que isso é feito por mal. Isso é feito porque a gestão é formada por pessoas que não tem afinidade, sobre as quais o Gustavo não tem liderança total.”

Durante a entrevista, Leprevost falou também que “não promete” continuar o projeto do metrô caso as obras não sejam iniciadas até 2017. “Se a cidade não está dando conta nem de atender à demanda dos cidadãos que estão doentes, será que este é o momento para ela se comprometer com um gasto tão grande?”, disse. Só que, caso as obras sejam iniciadas, ele diz que irá cumprir o cronograma.

Ele disse, ainda, que pretende buscar soluções para o transporte que evitem o aumento da tarifa. “Eu acredito que o prefeito não deve aumentar a tarifa em hipótese alguma”, disse. Leprevost, no entanto, afirma que não tem conhecimento suficiente sobre o assunto para apontar uma solução definitiva para a questão.

“Eu não tenho o diagnóstico aqui da prefeitura, eu estou começando a estudar os números. Isso é um trabalho que tem que estar pronto quando começar o programa eleitoral na TV em setembro. Aí você tem que ir para os debates, para a televisão, já com uma proposta consistente”, disse.

22 Comentários

  1. O Ney está coberto de razão. Falo isto porque minha rua parece uma cratera, de tantos buracos que tem.

  2. Sergio Silvestre Responder

    Como se diz lá no arraia das codornas,depende do ponto de vista né Ney(bom deputado)da parte de lá e da parte de cá.

  3. Ouvi a entrevista. Gostei da sinceridade do doutor Ney Leprevost. Achei ele muito honesto em seus posicionamentos.

  4. Até que enfim achei vida inteligente na política de Curitiba. Parabéns, Ney Leprevost.

  5. Parabéns ao Ney Leprevost. A cidade precisa de uma mudança de gestão e ele pode ser o que Curitiba espera. Boa sorte #tamojuntoney!

  6. Para se eleger o Guga fez igualzinho ao Senador Maluco, se aliou com o Diabo, agora está pagando o preço de tala aliança. Mas as únicas coisa que o cara tem feito até agora são somente duas, a primeira é a que todo péssimo administrador teima em fazer, que é por a culpa no anterior. E a outra, esta bem mais fácil e puramente demagógica, foi criar as tais Vias Calmas, bem ao gosto do curitiboca, gente que não dirige, gente que está no tempo em que só os que tinham muita grana desfilavam nos seus possantes, ou seja,devagar quase parando. Estas foram as obras do palerma, e ele ainda quer continuar reclamando, mas vai reclamar de quem agora?

  7. Sem ser prefeito, O Ney Leprevost já faz um monte de coisa boa, como a linha Inter Hospitais, a Lei do Teste do Coraçãozinho e a Lei da Mamografia para prevenção do câncer. Também é dele a Lei de Incentivo ao Esporte, que tira nossos filhos da rua. Imagine quantas coisas boas pode fazer na Prefeitura de Curitiba.

  8. Antonio Benvindo Responder

    A Urbs tem que abrir para a população a caixa preta das finanças, quanto é arrecadado e quanto é gasto. Assim é possível não só o Ney Leprevost ter acesso aos números mas todo e qualquer cidadão.

  9. Sem ser prefeito, O Ney Leprevost já faz um monte de coisa boa, como a linha Inter Hospitais, a Lei do Teste do Coraçãozinho e a Lei da Mamografia para prevenção do câncer. Também é dele a Lei de Incentivo ao Esporte, que tira nossos filhos da rua. Imagine quantas coisas boas pode fazer na Prefeitura de Curitiba.

  10. Concordo em gênero, número e grau com o Ney. Obras são importantes e necessárias, porém, a obra mais significativa que um prefeito deve fazer é contemplar o povo com a felicidade e felicidade neste caso é: um muito bom atendimento na área da saúde, na educação, na segurança,no saneamento básico, no transporte coletivo, no cumprimento dos deveres com o servidor público, Obras devem ser feitas sim, em PPP, com recursos do governo federal e estadual, com empréstimos e outras fontes. Todas as concessões devem ser auditadas e os operadores terceirizados devem ter uma limitação nos lucros e aquilo que é arrecadado numa concessão deve ser aplicado unicamente na atividade fim da concessão. Enfim, tem que ter coragem e abrir muitas caixas pretas que por ai existem. Ney, é preciso acabar com a mesmice, principalmente quando os benefícios pendem somente para um lado em detrimento do povo. Vá em frente.

  11. Mas olha só quem fala!
    O povo já sabe disso desde o século passado!
    Falou o obvio!

    Um exemplo da ma conseração das ruas é o o antipó! Uma colcha de retalhos, Ainda se gabam que compraram uma máquina de tapar buracos!
    Não seria o antipó o raio-x da saúde da cidade?

    Mas não me diga que o Ney REPROVÔ a gestão de Fruet!
    Mais me parece que ele quer ser candidato a prefeito.

  12. Estive semana passada em Curitiba e comprovei…. realmente te Curitiba tá feia!!! Não só visual, mas a um ar de uma certa violência e é algo que se sente facilmente anadando pelo centro. Parece que a cidade ainda vive no plano diretor do Jaime Lerner, na infraestrutura de esgoto do Requiao e nas obras de acesso do Beto. Tudo issó parado no tempo! Quanto ao Fruet fazer alíanca com o PT veja entrevistas dele na época de dep. Federal que na hora perceberá que errou por muito! Mas creio que isso ele já sabe!

  13. Curitiba está atrofiada, o amadorismo tomou conta da cidade.

    Duas secretarias são entraves do desenvolvimento, presunção e empáfia.

    Urgente precisamos retomar Nossa cidade e tirar das mãos dos sonhadores, enquanto a realidade do abandono nos deixa desolados.

    Não podemos ser refém de dois órgãos, que enxergam outra cidade e o caos está tomando conta.
    Mobilidade, segurança, transporte, infraestrutura, roçada, calçadas, parques abandonados etc…..Gustavo preferimos você em Brasilia, ou quanto mais distante melhor.

  14. Euripedes Costa Responder

    Ney tem que ser o vice do Gustavo, pelo amor de Deus, não vão voltar com aquele boca sonsa do Ducci, cara sem expressão, frio, trata todos com desdem…na verdade era um fantoche do Richa.

  15. O candidato Leprevost é o mais preparado. Tem experiência no legislativo (municipal e estadual), no executivo como secretário de estado, é jovem, boas ideias e luta em defesa dos interesses da população. Sem falar que é FICHA LIMPA

  16. Ney contamos com vc para mudar a realidade de Curitiba. Não aguentamos mais buracos nas ruas, mato tomando conta das praças, galhos de árvores que cobrem semáforos e aumento de moradores de ruas. Isso sem falar na falta de troca de lâmpadas nos espaços públicos, vias calmas sem segurança reforçada no período noturno e UPAs com enormes filas de espera e sem presença de guardas municipais, situação esta que coloca em risco a integridade dos profissionais da saúde.

  17. AS RUAS DA DIVISA DO BOM RETIRO COM O PILARZINHO NAS PROXIMIDADES DA UNILIVRE PODEM SER COMPARADAS A SUPERFICIE LUNAR, MAS O IPTU É COBRADO E PAGO EM DIA

  18. Carlos Tanques Responder

    Ney oportunista candidato camuflado do Richa….Esta de brincadeira com a população de Curitiba…Porque pulou do barco do Governo tem que explicar essa saida de hora pra outra…

Comente