Uncategorized

Moro condena ex-diretor da Petrobras a 12 anos de prisão

IA- gazeta do povo

Gazeta do Povo

O juiz federal Sergio Moro condenou nesta segunda-feira (1.º) o ex-diretor da Petrobras Jorge Zelada a 12 anos e 2 meses de prisão em regime fechado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro referente aos desvios na estatal. Zelada também foi condenado a pagar uma multa no valor de R$ 1,2 milhão. O processo trata de irregularidades na contratação da empresa Vantage Drilling pela diretoria Internacional da Petrobras. O ex-diretor foi preso em julho do ano passado na deflagração da Conexão Mônaco, 15.ª fase da Operação Lava Jato .

Moro destacou a quantia de cerca de R$ 50 milhões em contas de Zelada em Mônaco. “A manutenção por agente público de verdadeira fortuna em contas secretas no exterior e que não foi objeto de declaração perante as autoridades brasileiras, aliada a inexistência de qualquer prova ou mesmo mera explicação de possível origem lícita, constitui prova robusta da prática do crime de corrução por Jorge Luiz Zelada”, justificou o juiz na sentença.

– Leia aqui a reportagem completa.

1 Comentário

  1. EU PESSOALMENTE ESTOU ESTUPEFADO, INDIGNADO E AO MESMO TEMPO FELIZ..POIS NUNCA EM TODA A MINHA VIDA EU PENSEI QUE VERIA UM DIA ,,UM JUIZ JULGAR PRENDER E CONDENAR Á PRISÃO..PESSOAS DE ALTO CUTURNO DA SOCIEDADE BRASILEIRA…INCLUINDO POLITICOS PODEROSOS E EMPRESÁRIOS INTOCÁVEIS….ISSO VEM PROVAR QUE Á LEI É IGUAL PARA TODOS E NINGUEM ESTA ACIMA DELA……PARABÉNS SR MORO;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

Comente