Uncategorized

Cascavel pode ter
2º turno nestas eleições

edgar bueno-cascavel

Para surpresa até mesmo da Justiça Eleitoral, Cascavel passou a marca dos 200 mil eleitores durante o plantão de sábado, quando mais de 2,5 mil pessoas compareceram ao fórum eleitoral e elevaram o número de eleitores para 200.183. Dessa forma, a escolha do sucessor do prefeito Edgar Bueno (PDT) poderá ser realizada em dois turnos (o primeiro no dia 2 e o segundo no dia 30 de outubro) e obriga os partidos e pré-candidatos a prefeito a refazerem os cálculos e redefinirem as suas estratégias.

Uma eleição em turno único favorece os candidatos com maior popularidade, até pelo fato de o tempo de campanha ter sido reduzido de 90 para 45 dias. No novo cenário, a popularidade continua importante, mas apenas para o primeiro turno, pois no segundo o fator determinante passará a ser a nova correlação de forças que se estabelecerá com a divisão dos partidos em dois grandes grupos.

Talvez pela campanha sistemática alertando que a cidade perderia o direito ao segundo turno, a biometria em Cascavel atingiu níveis bem melhores que em outras cidades paranaenses com mais de 200 mil votantes. Em comparação com a eleição municipal de quatro anos atrás, o eleitorado da cidade encolheu mais de quatro mil eleitores, o equivalente a cerca de 2%. Maringá perdeu 5%, Curitiba 10,5% e Londrina expressivos 17%.

Comente