Uncategorized

Dilma vence Cunha no PMDB e elege Picciani líder da bancada

Por uma diferença de apenas sete votos, o deputado Leonardo Picciani foi reeleito líder do PMDB na Câmara. Foram 37 votos para ele e 30 para Hugo Motta (PB), além de dois votos em branco. Vitória do governo, que apostou todas as suas fichas em Picciani. Chegou a liberar o ministro da Saúde, Marcelo Castro (PI), em plena epidemia do vírus zika, para votar. O grande derrotado é o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, que bancou a candidatura de Motta.

6 Comentários

  1. Pra isso o DESgoverno do PT tem dinheiro, para fazer politicagem , para bancar campanha de quem pode esconder seus crimes e para comprar o PMDB

  2. vamos vê se agora nas proximas eleições o povo elege novamente esses ladrões, ou troca seu voto por bobagem.

  3. PMDB é um partido marionete do PT,mero puxadinho daquele partido.
    Vendilhões!

  4. Doutor Prolegômeno Reply

    Uma vitória de Pirro. Sete deputados fazem a diferença, sendo que destes, pelo menos três não exercem o mandato, pendurados em cargos executivos. Se isso for uma vitória…

  5. O MDB velho de guerra daquele senador,o bufão tresloucado, virou um puxadinho do PT,totalmente subserviente à gerentona.

Comente