Uncategorized

Delcídio do Amaral ameaça entregar colegas caso seja cassado

delcidio - agencia senado

Depois de passar quase três meses na prisão, o senador e ex-líder do governo Delcídio do Amaral (PT-MS) volta ao Senado nesta semana, estuda tirar uma licença de até 120 dias e já avisou a aliados que não admitirá ter o mandato cassado, um de seus maiores temores. “Se me cassarem, levo metade do Senado comigo”, afirmou a interlocutores quando ainda estava preso. A frase foi entendida como uma ameaça de que está decidido a entregar seus pares caso lhe tirem a cadeira de parlamentar. As informações são de Gabriel Mascarenhas e Marina Dias na Folha de S. Paulo.

Ao retornar ao Senado, Delcídio fará corpo a corpo com os demais colegas, argumentando que é inocente e pedindo amparo. Deve bater às portas de integrantes de partidos aliados e da oposição, com quem sempre manteve diálogo. Poucos, no entanto, devem ser os que darão apoio público ao petista.

Uma das maiores preocupações do senador é ter o mandato cassado porque, com isso, ele perderia o chamado foro privilegiado e seu caso iria para a primeira instância. Lá seria analisado pelo juiz Sérgio Moro, do Paraná, que tem sido célere em suas decisões envolvendo réus da Operação Lava Jato.

Em 1º de dezembro, dias após a prisão do senador, o Senado recebeu representação feita por dois partidos, Rede Sustentabilidade e PPS, que pedem a cassação de Delcídio sob acusação de quebra de decoro parlamentar.

O processo foi aberto no Conselho de Ética da Casa, sob relatoria do senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO). Na semana passada, a defesa de Delcídio pediu a substituição do relator, alegando que o tucano não pode permanecer na relatoria do caso por falta de isenção do PSDB. O pedido ainda será analisado.

DESGASTE

Correligionários do petista veem a licença como uma alternativa para, em um primeiro momento, evitar mais desgaste ao próprio senador e ao PT, uma vez que não precisariam conviver cotidianamente com um colega em regime de prisão domiciliar.

Quando estava preso, o petista foi colocado pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), em uma licença especial e manteve o salário de R$ 33,7 mil e demais benefícios do cargo.

Solto, o senador tem a opção de uma licença por questões médicas ou por motivos pessoais (neste caso, ele não receberia salário). Ao final desse prazo, caso ele não retorne, o suplente é chamado para assumir o mandato.

Outro motivo de constrangimento é a presidência da CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) do Senado, ocupada anteriormente por Delcídio. O PT não quer vê-lo de volta ao posto.

O líder do partido no Senado, Humberto Costa (PE), afirmou à Folha que a substituição de Delcídio pela senadora Gleisi Hoffmann (PR) na CAE já foi, inclusive, publicada no “Diário Oficial”.

Boa parte dos petistas vê a troca como ponto pacífico, por não acreditar que o colega tenha condições morais e força política para comprar briga pela permanência.

O STF decidiu prender Delcídio baseado em gravação feita por Bernardo Cerveró, filho do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró. Na conversa, um plano de fuga e uma mesada de R$ 50 mil foram propostos por Delcídio em troca de Cerveró não fazer delação premiada. O ex-diretor, no entanto, acabou assinando acordo de delação.

5 Comentários

  1. -Claro que a cassação não se confirmará!!!
    -Com a ameaça de Delcídio, muitos políticos podem estar com os dias de seus mandatos contados!!!
    -Mas fiquem calmos caros colegas, não irá para frente, em se tratando da classe política. Apenas a inflação irá para frente assim como o desemprego e outras coisas menos importantes para o Brasil…afinal quem paga a conta, somos todos nós, otários brasileiros!!!!

  2. Ora se o ainda Senador Delcídio do Amaral fez delação premiada o mesmo terá que entregar todo mundo, pois caso contrário não terá legitimidade. Tem que ser a delação completa e não em retalhos. O que o mesmo quer ? Se não falar tudo que sabe com fatos novos irá novamente para a cadeia.

  3. Deu uma boa emagrecida o nobre senador. Sinal de que a alimentação na carceragem é bastante saudável!!

  4. Continua a fazer chantagem…É petista mesmo, se tem verdades para falar, então vai continuar mentindo. Recebe um polpudo salário às custas do suor do contribuinte que tem que trabalhar mais de cinco meses para sustentar essa corja, somente para roubar e acabar com os sonhos de todos os brasileiros em ter uma vida digna neste País de grande maioria de políticos corruptos.
    Acho que Deus está nos castigando por algum pecado cometido por nós para merecer tudo isso que está acontecendo no Brasil.

Comente