Uncategorized

STJ nega recurso de ‘Japonês da Federal’, denunciado por corrupção em 2003

japones pf2

CBN – Curitiba

O Superior Tribunal de Justiça negou um recurso do agente da Polícia Federal, Newton Ishii, conhecido como “Japonês da Federal”. Ele foi denunciado por corrupção, acusado de facilitar a entrada de contrabando no Brasil pela fronteira com o Paraguai.

Newton é réu em um processo decorrente da Operação Sucuri, deflagrada em 2003, contra agentes da PF, da Receita Federal e da Polícia Rodoviária Federal. Os agentes foram acusados de corrupção, por facilitarem a entrada de contrabando no Brasil pela fronteira com o Paraguai. Na época, Newton chegou a ser preso e expulso da corporação, mas foi reintegrado e hoje é um dos homens de confiança da superintendência da Polícia Federal do Paraná.

– Clique aqui e confira a reportagem completa.

8 Comentários

  1. Sergio Silvestre Responder

    Seria quase uma comedia de MONTHY PYTON, esse japonez sendo escoltado pelo Zé Dirceu rsrsrsrsrsrsrsrrs

  2. imauricioprofeta Responder

    Realmente,estamos no fundo do poço da imoralidade,da ética,da honestidade,da vergonha na cara.

  3. a ênfase que estão dando ao ishii é numa tentativa de diminuir a culpa dos que são conduzidos pela PF, querem confundir o povão.
    Uma coisa é uma coisa, o petrolão é muito maior, e envolveu o ESTADO BRASILEIRO, com consequencias inestimáveis.
    O rei reina mas, não governa era a postura do Lula, porém, o trono vai se distanciando e logo teremos a tomada da bastilha, infelizmente, essa gente não irão para guilhotina, por isto a justiça é vista com escarnio e zombaria.

  4. Não é comédia, é realidade, nem podia ser diferente . O SS é semi analfabeto, igualzinho ao ídolo dele. JAPONÊS É COM S, IDIOTA.

  5. Isto e ótimo para este povo burro que ja vão dando moral pra qualquer um que aparece em tempos de crise pousando de bonzinho e salvador da pátria.

Comente