Uncategorized

Juristas criticam proximidade de Aragão com operação Lava-Jato

aragao

Vera Magalhães, Veja

Alguns juristas que atuam nos tribunais superiores em Brasília criticaram a nomeação de Eugênio Aragão para o Ministério da Justiça.

Segundo eles, Aragão sabe o passado, presente e conhece quase todos os futuros passos da Lava-Jato, por ter sido subprocurador da República dos mais próximos de Rodrigo Janot até agora.

Por isso, dizem que, se há algum interesse de o governo atacar a operação, poderá agora fazer isso com todas as informações privilegiadas possíveis.

Isso sem nem falar na iminência de, com Lula ministro, os dois passarem a despachar juntos, definindo ações para que a operação foque a oposição, e não o governo.

5 Comentários

  1. OS JURISTAS DEVERIAM QUESTIONAR A PROXIMIDADE DA PRESIDENTE COM O CRIME ORGANIZADO(PELO LULA)

  2. Sergio Silvestre Reply

    Tá dificil governar com tanto urubu querendo a carniça hein,nego sai de camisa amarela se dizendo patriota mas na verdade o sujeito é um tremendo vendilhão do Pais.

  3. Em que país estamos, uns sujeitos são vendilhões e outros são ladrões descarados.
    “frase de um grande intelectual SE UM POBRE ROUBA, VAI PARA A CADEIA, se UM RICO ROUBA VIRA MINISTRO (1988)”

  4. VENDILHÃO DO PAÍS É A SUA “CORJA” Bunda Tatuada, O GARDENAL NÃO ESTA MAIS FAZENDO EFEITO ?

Comente