Uncategorized

“Não aos cargos, sim ao Brasil”, diz Paulo Martins

paulo-martins
O deputado federal Paulo Martins enviou mensagem ao blog sobre a posição que seu partido, o PSDB, deve assumir neste momento. Posição lúcida, que despreza barganhas: É o que segue:

“Excelente reunião da bancada do PSDB com o presidente do partido Aécio Neves. Todos os deputados foram ouvidos. A decisão sobre a postura quanto ao governo Temer será tomada de forma verdadeiramente democrática, nada de “centralismo democrático”. Manifestei que o partido precisa exigir um compromisso de apoio à Lava-jato, de redução do Estado na economia e que não deve ocupar espaços no governo, mas oferecer sustentação no congresso em apoio às medidas necessárias para destravar o país. Não aos cargos, sim ao Brasil.”

2 Comentários

  1. Esperemos as negociações dos caciques do partido. Esse cidadão não tem cacife para falar em nome do PSDB. Pelo que se sabe, provavelmente o PSDB vai sim participar do governo, com algumas condições. Chegou agora e quer assento na janela, como dizia no Romário.

Comente