Uncategorized

Câmara aprova urgência para projeto de reajuste salarial do Judiciário

cunha-lewandowski

Lideranças partidárias e a presidência do STF acordaram a urgência do projeto de lei que reajusta em até 41% os salários dos servidores do Judiciário Federal. A urgência, aprovada na Câmara dos Deputados por 277 votos a favor, 4 contra e duas abstenções, determina que não é mais necessário que o projeto passe por comissões permanentes da Casa, portanto haverá prioridade para ser votado, embora ainda sem data marcada.

5 Comentários

  1. Osvaldinho Cartez Responder

    Só 42% de reajuste, tem certeza?

    Olha, olha, que é pouco, pensa bem, por que não 50%, hein.

    Afinal eles merecem, trabalham muito, nunca faltam, são corretos, justos……….aliás, a justiça, o judiciário brasileiro são impecáveis

    E ai eu acordei, que pais é esse

  2. É o órgão legítimo de governança deste país, o STF.
    Atualmente, todas praticamente as decisões do moribundo governo passam por ele e seu veredito.
    É óbvio o desespero de Cunha e seus comparsas em “molhar a mão” de suas excelências, para assim adoçar os mesmos na hora de seus já atrasados julgamentos.
    Mal sabe Cunha que está enfiando a mão com que tenta acalentar os bolsos magistrados, em uma casa de abelhas africanas enfurecidas.
    E já que se diz pastor, verá cair sobre si a ira do Senhor, pois este pisará na sua cabeça de serpente!!!
    E tá amarrado!!!!!!!

  3. ESSA BOLHA DA FARTURA QUE ACOLHE JUDICIÁRIO, MP, DEFENSORIA E ASSEMELHADOS VAI LEVA O ERÁRIO A BANCAROTA …….

  4. 41% de aumento ??? Isso é um verdadeiro ABSURDO !!! O país em uma derrocada econômica sem precedentes e um Poder, que já possui ganhos astronômicos, pretende receber um montante percentual como este ???
    ….. não temos serviços básicos indispensáveis e o Judiciário pleiteando 41% de aumento ??? É UMA VERGONHA !! Acorda Brasil !!!

  5. Saibam vocês que aos funcionários da Justiça a administração deles disponibiliza plano de saúde privado (no caso do Paraná é UNIMED) e dos bons!
    Os servidores do Executivo tem que enfrentar a porcaria mal administrada e muito mal explicada que é o SAS que, de tão ruim o atendimento, está empurrando os servidores a buscar o SUS que, pasmem, consegue ser melhor que o SAS.
    Quanto aos Deuses e Semideuses (pelos menos a maioria se acha acima da lei e da ordem!) da Justiça, MP, TC etc… não precisa nem falar: ganham em média trinta mil reais mas vivem como se ganhassem mais de cem; moram em mansões de condomínio e ostentam carrões de sonhos, viagens; não dá para entender como conseguem acertar o orçamento e enquadrar um padrão de vida tão alto em um orçamente de, em média, trinta mil reais, que os órgãos correcionais teimam em fazer de conta que não vê. Como as necessidades humanas são ilimitadas, realmente eles precisam de aumento! O resto que chupe o dedo.
    Exclua-se desta opinião aqueles que não se julgam Deuses ou Semideuses e que vivem honesta e decentemente com a “ínfima” remuneração mencionada

Comente