Uncategorized

Fernando Pimentel indica esposa investigada para secretaria

pimentel

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, do PT, nomeou sua esposa Carolina de Oliveira Pereira Pimentel para o cargo de secretária de estado de trabalho e desenvolvimento social. Tudo indica que é para que ela possa ter foro privilegiado, já que ambos são investigados pela Operação Acrônimo, que apura um esquema de corrupção entre o BNDES na época em que o petista comandou o ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio no governo Dilma.

7 Comentários

  1. Bom, depois do STF, de forma vergonhosa e COVARDE, abster-se de PUNIR Dilma e Lula, pelo crime de obstrução da justiça, o Pimentel seguiu o mesmo esquema e também deu uma banana para o Poder Judiciário!! Não há o que fazer, pois o STF abriu o precedente!!!

  2. Agora a roubalheira e a impunidade vai correr solta, essa é a cara do petismo, todos aproveitando o máximo que o cargo lhes convém.

  3. Tal qual o futuro ministro do turismo de Temer, a senhora bela, recatada e do lar Milena Santos, que já posou com a faixa de presidente (e só com a faixa!) em frente ao congresso nacional.
    A esculhambação é de lado a lado, seu Campana…

  4. Doutor Prolegômeno Responder

    Ninguém perde por esperar. Logo, ambos estarão na cadeia, destino de 9 entre 10 lulopetistas famosos.

  5. O caso dele ta no Supremo, lá é tranquuilo, eles não prendem ninguem. podem rir e fazer a festa.

  6. SOLANGE LOPÉS Responder

    Esta petezada não tem um pingo de vergonha na cara. Chegam ao cúmulo da desfaçatez.

  7. A cadeia então não terá espaço para petistas, tucanos democratas e demais corruptos colegas de blog.
    A iniciar a limpeza, deve-se ir então até o seu final, doa a quem doer!
    Ah, e nada de Aécio, heim?
    Sujeito que constrói pista de pouso com dinheiro público em fazenda de tio, prá receber carregamentos de drogas, também não serve para ser presidente – coxinha!!!!

Comente