Uncategorized

PT do Paraná abandona Gleisi e Paulo Bernardo

bernardo-enio-gleisi

Até este momento, final da tarde de quinta-feira, 23, não há nenhuma nota, pronunciamento, postagem ou entrevista das lideranças do petismo do Paraná em defesa e em apoio ao ex-ministro Paulo Bernardo, ou em solidariedade à senadora Gleisi Hoffmann – duas das principais lideranças do PT do Paraná. O site do partido no Estado se limitou a reproduzir uma nota da direção nacional.

Do presidente estadual do PT, deputado Enio Verri, nenhuma linha. Nem a presidente Dilma Rousseff e nem o ex-presidente Lula também se manisfestaram a respeito.

(Foto: divulgação)

8 Comentários

  1. Com certeza a defesa vira da APP, com a palavra a APP e os professores que sempre apoiaram essa quadrilha

  2. nota é para quem não tem crédito, pra que então, principalmente do diretorio nacional.

  3. Cadê o Tadeu Veneri que no passado agrediu uma manifestante na assembléia, agora o buraco é mais embaixo.

    O PT está se esfacelando na maior crise: ética e moral. Ainda exigem prerrogativa de foro privilegiado, quando na verdade deveriam ser cassados e presos, os recursos que financiaram campanhas vieram ilicitamente.

  4. Professor Bigode Responder

    Boa tarde.
    Encontra-se agora o PT se desnudando ante a mais pesada das armas: a opinião publica.
    Abraços.

Comente