Uncategorized

No Miami Herald, Ricardo Barros afirma baixo risco de Zika

Miami_herald

O ministro da Saúde garantiu que “A circulação do vírus Zika não vai nos impedir de termos um evento seguro e inesquecível para atletas, participantes e espectadores”.

Em artigo publicado no Miami Herald, um dos principais jornais dos Estados Unidos, o ministro da Saúde, Ricardo Barros, reforça o risco mínimo de transmissão do vírus Zika durante as Olimpíadas e chama os turistas para comparecer ao evento.

No texto com o título “Venha para as Olimpíadas no Brasil – Zika está sob controle”, o ministro afirma que o sistema brasileiro está preparado com monitoramento 24 horas por dia e com medidas preventivas e de combate ao Aedes aegypti.

“A circulação do vírus Zika não vai nos impedir de termos um evento seguro e inesquecível para atletas, participantes e espectadores”, salienta.

Barros cita um estudo publicado pela Universidade de Cambridge e análises de especialistas da Organização Mundial da Saúde (OMS) que confirmam ricos mínimos de infecção. “Os jogos serão disputados no Brasil em tempo de inverno, quando a taxa de transmissão é mais baixa. Além disso, houve investimentos em monitoramento, prevenção e um grande esforço de mobilização que reduziu em 87 % os casos de infecção pelo Zika”

Barros lembra ainda que foram realizados mais de 50 eventos-teste monitorados pelo Ministério da Saúde e sem registro de infecção. “O Brasil tomou todas as medidas necessárias para que os jogos sejam um marco histórico no esporte. Encorajamos as pessoas, portanto, para vir aos Jogos Olímpicos”.

1 Comentário

Comente