Uncategorized

Salamuni diz que Fruet vai usar verba da Câmara para pagar parcela do 13º dos servidores

índice

O líder de Gustavo Fruet (PDT) na Câmara de Vereadores, Paulo Salamuni (PV) diz que achou a solução para insolvência da prefeitura, sem dinheiro até para pagar a primeira parcela do 13º salários dos servidores municipais. Salamuni disse que Fruet vai usar os R$ 58 milhões do extinto fundo especial do legislativo para pagar parte dos salários dos barnabés, aposentados e pensionistas. O pagamento deve ser feito no dia 30 de junho. Salamuni acredita que a verba vai ser de grande ajuda em um período de crise econômica.

5 Comentários

  1. Loberlo Lelião de Lello Lilva Responder

    Um mistério, sinistro, bem sinistro o prefeito.

    Não fez nada, não investiu em nada, não criou nada.

    Arrecadou, arrecadou e cadê o dinheiro.

    Pega dinheiro emprestado para pagar salários de salafrários, sim,
    bando de incompetentes que convencem o prefeito que ele faz uma excelente administração.
    Ademas, aquele gabinete parece um CIRCO DOS HORRORES.
    Um bando entocadinho, igual a ratinhos com mexendo as patinhas.

  2. É triste constatar que a Prefeitura de Curitiba entrou no mesmo
    gargalo do Rio de Janeiro. Má gestão chegou ao “roubo” do bolso
    dos aposentados. É o fim da picada Fruet, aprendeu com o Pezão
    e Dorneles !?

  3. Dinheiro de doentes e aposentados são intocáveis. Quem desviar
    esta verba tem que ir pra cadeia !!!

  4. Renato Britto Barros Responder

    Que vergonha.
    Pela 1ª vez na história de Curitiba, os funcionários poderão ou não receber aquilo que é de direito.
    Tudo culpa desse péssimo administrador.
    Mas as propagandas nos Rádios, Jornais, e TVs continuam a todo vapor, pra isso tem bastante dinheiro.

  5. PODERIA USAR MELHOR O DINHEIRO QUE ARRECADA, PRINCIPALMENTE AGORA COM O TAL DE 40 KM/H….
    E FISCALIZAR MELHOR AS EMPREITEIRAS QUE TAPAM BURACOS NAS RUAS DA CIDADE, ISSO QUANDO TAPAM… BURACOS ESTES QUE AO INVÉS DE CONCAVOS, VIRAM MORRINHOS CONVEXOS…

Comente