Uncategorized

Requião em queda livre

requiao-dilma

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) mantém os encontros semanais em sua residência em Brasília para medir os índices do “impeachtômetro”. As reuniões começaram com 30 senadores, mas estão minguando. Só 16 compareceram na última.

As informações são de Leandro Mazzini na Coluna Esplanada.

(foto: arquivo/google)

8 Comentários

  1. Antonio Carlos Responder

    Este é o tamanho do “prestígio” do Senador Maluco, oficialmente puxador de votos dilmista. Se depender do “prestígio” do cara a querida companheira já pode ir esvaziando as gavetas, mas deixe a prataria, as louças, os cristais e os móveis , eles são nossos, pertencem ao patrimônio da União.

  2. Que decepeção que tivemos com o Senador Roberto Requião nesses últimos meses e aliado declarado do PT.

  3. A HORA DA VERDADE Responder

    Conhecido como o “DESMANCHA RODA” é o tipo de aliado que faz aliança com o diabo para levar os outros pro inferno…ou como ele mesmo sempre disse: Para ganhar me alio até com o diabo. Desta vez se aliou com a diaba.

  4. Se o Requião vivesse de beijos e abraços com a Dilma e tivesse
    trazido algum benefício ao Paraná o dito cujo teria alguma moral
    para dar uma de macho, porem a Maria louca só nos prejudicou.
    É mais um político expurgado pelo Paraná.

  5. O Requião já está em queda livre há anos. Só não chegou no
    chão porque enroscou em um pé de mamona…

Comente