Uncategorized

Gleisi ignora indiciamento do marido por corrupção e insiste em defender a “revolução” de Dilma

gleisi_bico

Do Ucho Haddad

Por fanatismo ou delírio ideológico, a senadora Gleisi Helena Hoffmann (PT-PR) tem se concentrado em defender a presidente afastada Dilma Rousseff e sua “revolução”. É o que mostram as postagens da parlamentar no Facebook. A “revolução petista” que tanto encanta Gleisi trouxe de volta a inflação e o desemprego, além de ter produzido os maiores escândalos de corrupção da história da República. Em alguns desses escândalos, a própria Gleisi e o marido, o ex-ministro Paulo Bernardo da Silva, estão envolvidos.

Enquanto Gleisi visita assentamentos do MST exibindo caros adereços de grifes de luxo, confraterniza-se com o ex-presidente paraguaio Fernando Lugo (o “reprodutor de batina”) e dedica-se a uma defesa estridente de Dilma, a Polícia Federal indiciou Paulo Bernardo por corrupção passiva e organização criminosa.

Bernardo é alvo da Operação Custo Brasil, desdobramento da Operação Pixuleco II (18ª fase da Operação Lava-Jato), é acusado de envolvimento em um esquema criminoso que surrupiou R$ 100 milhões de servidores federais que recorreram aos empréstimos consignados. Segundo a PF, as investigações mostraram indícios de materialidade e autoria de Paulo Bernardo, sendo que o inquérito foi encaminhado ao Ministério Público na última sexta-feira (22).

O MPF poderá apresentar denúncia à Justiça Federal, reenviar o inquérito policial à PF para novas diligências investigativas ou requerer à Justiça o arquivamento da investigação.

A Operação Custo Brasil foi deflagrada em 23 de junho para apurar o pagamento de propina a pessoas ligadas a funcionários públicos e agentes públicos ligados ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão – MPOG, relacionado a contratos de prestação de serviços de informática, entre os anos de 2010 e 2015.

A empresa contratada para o serviço de gerenciamento dos empréstimos e o respectivo pagamento das parcelas, o Grupo Consist, cobrava mais do que deveria e repassava 70% do seu faturamento para o PT e próceres da legenda, segundo informaram a Polícia Federal, a Receita Federal e o Ministério Público Federal.

A propina paga entre 2009 e 2015 teria chegado a cerca de R$ 100 milhões. “Dezenas de milhares de funcionários públicos foram lesados”, disse o superintendente da Receita Federal em São Paulo, Fábio Ejchel.

Não obstante esse cenário de fazer inveja ao personagem Al Capone, a senadora petista continua devendo uma explicação convincente sobre a nomeação de um pedófilo codnenado a mais de cem anos de prisão ao cargo de assessor especial da Casa Civil. Eduardo Gaievski, amigo de Gleisi e Paulo Bernardo, chegou ao Palácio do Planalto com a incumbência de coordenar os programas federais destinados a crianças e adolescentes, tudo no melhor estilo “raposa tomando conta do galinheiro”.

9 Comentários

  1. Desculpe, Gleisi, mas um perfeito IDIOTA para achar que Dilma fez alguma “revolução” em qualquer área que se possa imaginar!!! Só se foi a “revolução da estupidez exacerbada” pelo neurônio solitário!!!

  2. Doutor Prolegômeno Responder

    A única revolução feita pelo lulopetismo foi a revolução da corrupção. Nunca antes na “iztóriadeztepaiz” tantos roubaram tanto, por tanto tempo.

  3. Esta Gleisi infelizmente é senadora pelo Paraná. Foram os imbecis
    apoiadores do PT que colocaram neste lugar em Brasília. Não é
    delírio, simplesmente tornou-se uma anencefala mesmo…

  4. Se apoia tanto a Dilma, pergunte a ela se tem ido de vez em quan-
    do comer um churrasco na casa da Dilma em Porto Alegre.

  5. Idiotice pura.
    CEGA.
    VENDIDA.
    CORRUPTA.
    TÁ NO CAMINHO DO SEU MARIDO..PRISÃO..
    2 MILHÕES…

  6. Vamos ter que suportar os delírios desta sujeitinha só por mais algum tempo , em outubro ela começa a sossegar o facho, porque aí o seu partido terá sido varrido nas urnas. Já com a derrocada da querida companheira a tal “revolução” engendrada pela defenestrada presidanta começa a sumir da nossa realidade.

  7. Larry de Camargo Vianna Nascim Responder

    QUEIMOU TODAS AS PONTES, NÃO TEM COMO VOLTAR ATRÁS. AGORA É CADEIA

  8. .
    E DEPOIS QUE A DILMA FOR PARA CASA, QUAL SERÁ A FUNÇÃO DA GLEISI NO SENADO ??? SERIA ENTÃO DIZER QUE O MARIDINHO PAULO BERNARDO É TAMBÉM VÍTIMA DE GOLPE…

Comente