Uncategorized

Furiati, prefeito eleito da Lapa, é condenado por fraude e corrupção

furiati-620x413

O prefeito eleito da cidade da Lapa (região metropolitana de Curitiba), Paulo Furiati (PMDB), foi condenado pelo Vara Criminal da Comarca a seis anos, 11 meses e 14 dias de reclusão em regime semiaberto, além de 30 dias-multa. Segundo o Ministério Público, a condenação, por crimes de fraude a licitação e corrupção passiva, refere-se a fatos ocorridos em 2012, quando o prefeito eleito estava exercendo o mesmo cargo. Também foi condenado um casal de empresários, além de uma servidora do município.

As investigações foram realizadas pelo MP, por meio do núcleo de Londrina do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), e abrangeram várias cidades nas quais um empresário aproximava-se de prefeitos e secretários e sugeria projetos aos municípios. Segundo os promotores, as licitações eram fraudadas e dirigidas ao empresário, mediante inserção de condição especial no edital. Em contrapartida, diz o MP, o empresário devolvia valores de propina a prefeitos e servidores. A sentença também determinou a perda da função pública após o trânsito em julgado da decisão, da qual ainda cabe recurso.

10 Comentários

  1. Connheço o Furiati desde 1983 quando o mesmo era deputado estadual ……. sou amigo pessoal do mesmo e sei que vai provar sua inocência no TJ ……. assuma a prefeitura e bola para frente,,,,pois o que é do homem o bicho não come …..Deus é pai…….joão feio

  2. Pô joão feio, uma ve ainda vai, mas o cara é reincidente…

    “joaofeio sábado, 12 de janeiro de 2013 – 16:02 hs
    Conheço o Furiatti desde 1983 na Assembléia Legislativa. Pessoa que nunca pisou na bola. Vamos aguardar a sua versão. Sou como o velho guru Anibal Khroury ” Para mim amigo não tem defeito”. Fu Fu como eu chamo o tempo é o senhor da razão. Joao feio seu amigo de sempre!!!!!!!!!!!!!!!!!”

  3. Quem conhece o Furiatti sabe que provavelmente fizeram uma “cama de gato” para derrubá-lo, mas não conseguiram e logo provará totalmente a sua inocência. Pelo povo, diante do resultado da eleição, sua inocência já foi reconhecida.
    Bola pra frente, Deus esteja contigo!

  4. ESTE “tal furiatti” É AMIGO DO PEITO E CONFIDENTE DO ex governador COMEDOR DE MAMONAS. LOGO…
    ( ah… o tal joão feio acima também é…)

  5. A respeito da matéria acima:

    – Não existe dinheiro público envolvido;

    – Nenhuma testemunha fez uma acusação formal;

    – A sentença é de livre convicção do juiz, que reconheceu não existir desvio de dinheiro público e vou recorrer; e

    – Minha posse como prefeito da Lapa no dia 1º de janeiro de 2017 está garantida.

Comente