Uncategorized

Trump assume com pior popularidade em 40 anos

donald_trump

O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, assumirá o cargo na sexta-feira, 20, com índices de popularidade muito mais baixos que seus antecessores na Casa Branca, segundo várias pesquisas divulgadas nesta terça-feira, 17.

De acordo com uma pesquisa da emissora ABC e do jornal Washington Post, atualmente 40% dos americanos têm uma opinião “favorável” sobre Trump, frente a 54% que afirmam ter uma impressão “desfavorável” sobre o presidente eleito. As informações são do Estadão.

A pesquisa relembra os índices de popularidade dos antecessores de Trump antes de chegarem à Casa Branca: Barack Obama (79%), George W. Bush (62%), Bill Clinton (68%), George H.W. Bush (65%), Ronald Reagan (58%) e Jimmy Carter (78%).

No entanto, a maioria dos entrevistados disse acreditar que Trump fará um trabalho “bom ou excelente” na condução da economia (61%) e em relação à ameaça terrorista (56%).

Uma outra pesquisa, da rede CNN, revela que Trump assumirá a presidência com um índice de aprovação de 40%, o mais baixo da história recente, contra 84% de Obama em 2009, 67% de Clinton e 61% de George W. Bush.

Após a publicação dos números, Trump disse em sua conta no Twitter que as pesquisas foram elaboradas pelas mesmas pessoas que apontavam erroneamente sua derrota nas eleições.

Há também vários atos convocados para protestar contra Trump, e dezenas de congressistas democratas anunciaram que não participarão da cerimônia de posse do magnata.

6 Comentários

  1. Doutor Prolegômeno Reply

    Ele vai se dar bem por esses motivos: a imprensa não gosta dele; os intelectuais e artistas não gostam dele; a elite não gosta dele; os bons moços e politicamente corretos não gostam dele; os eco-chatos nã gostam dele. Ecce homo!! Alguém diferente que tem grandes chances de ser bem melhor do que parece. Chega dos mesmos chupa-cabras…

  2. João Pedro Pacheco Reply

    O Obama é a tragédia americana que não está sendo vista pelos americanos por mascaramento de uma imprensa que apostava nos Clintons. O mundo que ele deixa está muito pior do que quando recebeu e ninguem fala disso. Mesmo sem guerra declara morreram no mundo mais pessoas pelo terrorismo do que durante o periodo da guerra no Iraque. Fico com uma citação de um humorista americano de que o Obama para ser porteiro da casa branca tem que melhorar muito. Essa é a tragédia.

  3. Essas crianças de cinquenta, sessenta, setenta anos chorando porque o Trump tomou o brinquedinho delas são os personagens mais patéticos de toda a história universal. Essas pessoas perderam o último resquício de respeito por si mesmas. CNN dentre muitas é uma das desmoralizadas que apostou contra Trump, pois 96% da população americana não acredita na mídia, ainda mais agora com a vitória do republicano, enfim, o choro é livre !!

  4. Sandra Wahrhaftig Reply

    Concordo com o doutor Prolegômeno. A melhor coisa para um presidente que terá que tomar muitas medidas impopulares é começar o mandato impopular. Não tem nada a perder.

  5. Se nós brasileiros nos achamos esperto, vamos dizer que os norte americanos são bobos? durante a campanha para o segundo mandato do Obama já se discutiam essas questões, onde poderia nem ser eleito, mas acharam melhor dar-lhe um segundo mandato porque pela constituição ele não pode mais concorrer a nenhum; outra coisa, se a Hillary ganhasse as eleições lá, seria uma Dilmona aqui, provavelmente cassada, não aguentam mais democratas lá, estava sendo necessário um braço mais forte para comandar o país; outra coisa é que ficamos dando pitacos no governo de lá, mas o governo é deles, pra comandar o país deles, o encaminhamento econômico, social, cultural deles é diferente do nosso.

Comente